Ceará

Daniel Azambuja destaca o trabalho do Ceará com jovens jogadores

(Foto: Reprodução/Vozão TV)

Além disso, o treinador falou sobre as alterações feitas, durante o jogo, no setor ofensivo da equipe.

Sendo o comandante do time alternativo do Ceará para o Campeonato Cearense, Daniel Azambuja concedeu, neste domingo, 02, entrevista coletiva depois do empate em 1 a 1 contra o Pacajus. Na ocasião, ele falou sobre as mudanças estruturais feitas no setor ofensivo durante a partida e destacou a atuação dos jogadores.

Anúncios

Setor ofensivo

Do primeiro tempo para o segundo, foram feitas algumas mudanças estruturais no setor ofensivo alvinegro. André Magno, centroavante, acabou entrando e Gabriel Dias retornou para sua função de origem, na lateral direita. Sobre isso, Azambuja diz que o atacante não tinha condição de aguentar os 90 minutos e esperava outra postura do Pacajus.

Em função da parte física, nós tivemos que começar com dois meias centrais, pois o centroavante que ficou, o André Magno, não está ainda em condições físicas de suportar o jogo. A gente queria fazer um estudo, também, da equipe do Pacajus, ver de que forma ela viria jogar, quando a gente estuda, vemos uma forma de jogar diferente da de hoje. Então, quando eles fizeram o primeiro tempo e vimos que eles estavam montado em uma linha de cinco nos esperando, tivemos que mudar um pouco a nossa estratégia de jogo. […] Então a proposta do segundo tempo foi colocar mais força ofensiva adiantando o André, tentando abrir o meio com o Felipe Baixola e abrimos os dois pontas”.

Atuação da equipe

Questionado sobre a boa atuação de Vinicius no gol do Ceará, o treinador destaca que todos os jovens jogadores que entraram também fizeram uma boa partida. Além disso, falou sobre o trabalho de integração feito pelas categorias de base do clube.

“Eu não vou falar só do Vinicius, acho que o trabalho que a gente vem fazendo no Ceará, ele é um trabalho bem integrado com as categorias de base, que a gente conseguiu o título do sub-23, vem revelando jogadores e colocando esses jogadores para jogar em nível estadual. […] São jogadores que estão estreando no profissional, então estamos no dia a dia capacitando esses jogadores para que eles deem a resposta para a gente nessas competições”.

Anúncios

Deixe uma resposta