Procuradoria do TJDF-CE denuncia oito pessoas por manipulação de resultados; confira

Foto: Mateus Lotif/Fortaleza EC

Campeonato Cearense teve o Fortaleza como campeão

A Procuradoria do Tribunal de Justiça Desportiva do Futebol (TJDF) entregou um documento ao Tribunal de Justiça Desportiva do Futebol do Ceará onde denuncia oito pessoas envolvidas no caso de suspeita de manipulação de resultados no Campeonato Cearense de 2022. Entre os denunciados estão jogadores, técnico e dirigentes do Crato, clube que foi excluído da competição.

O jornal Diário do Nordeste teve acesso ao documento entregue pela Procuradoria e divulgou os nomes dos denunciados. Segundo a reportagem, o inquérito sigiloso mostra as relações estabelecidas entre os envolvidos, além de outros nomes que são citados no documento, mas não foram denunciados por não haver provas suficientes. Confira os nomes dos denunciados:

Geislucio Gonçalves Alves (Lúcio Barão) – Foi diretor executivo do Crato no início da temporada de 2022. Em 2020, ele esteve como presidente do Barbalha FC, afastado do cargo após ser acusado de manipulação de jogos.


Leone Barros Costa Junior, Elry Enio Bezerra da Silva e Dagson dos Santos – Jogadores que atuaram no Barbalha em 2020 e integram o time do Crato nesta temporada.


Jeferson Alberto Marques de Oliveira, Alessandro Silva Pereira Barros ‘Alemão” e Jânio Fialho de Aquino – Dois jogadores do Crato e o técnico, respectivamente.


Cleuson Ivan de Souza Barros – presidente do Crato.

Ainda de acordo com o Diário do Nordeste, o documento da Procuradoria ainda ressalta que apenas pessoas físicas terão responsabilidade apurada, pois houve compreensão de que não há envolvimento das agremiações.

O Campeonato Cearense de 2022 teve o Fortaleza como campeão cearense na final contra o Caucaia.

Fortaleza foi o campeão cearense de 2022 - Foto: Mateus Lotif/Fortaleza EC
Fortaleza foi o campeão cearense de 2022 – Foto: Mateus Lotif/Fortaleza EC

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: