Relembre a última vez que a Seleção Brasileira esteve na Arena Castelão, convocados e quem está no Qatar

Foto: Lucas Figueiredo/CBF

Brasil venceu a Venezuela ainda sob o comando do técnico Dunga

Classificado com uma rodada de antecedência para as oitavas de final da Copa do Mundo, a Seleção Brasileira não vem a Fortaleza desde 2015, quando venceu a Venezuela por 3 a 1 na Arena Castelão.

Um ano antes, a ‘Amarelinha’ esteve em duas oportunidades no Mundial do Brasil, contra México e Colômbia.

Na última vez que jogou em solo cearense, Dunga era o treinador do escrete brasileiro e comandou o triunfo com gols de William (2) e Ricardo Oliveira. Atualmente no Fortaleza, o meia Lucas Lima estava entre os convocados e entrou em campo na segunda etapa.


Neymar ficou fora da lista por estar suspenso pela Conmebol. O atleta ficou de fora dos dois primeiros compromissos das eliminatórias pela expulsão e confusão na derrota por 1 a 0 para a Colômbia, pela fase de grupos da Copa América.

Dos 23 chamados para aquele embate apenas o goleiro Alisson, o lateral-direito Daniel Alves, o zagueiro Marquinhos e o volante Fabinho fazem parte da Seleção de Tite no Qatar.

CONFIRA A LISTA COMPLETA


Goleiros: Jefferson (Botafogo), Marcelo Grohe (Grêmio) e Alisson (Internacional);

Laterais: Fabinho (Monaco), Daniel Alves (Juventus), Filipe Luís (Atlético de Madrid) e Marcelo (Real Madrid);

Zagueiros: David Luiz (PSG), Miranda (Inter de Milão), Marquinhos (PSG) e Gil (Corinthians);

Meio-campistas: Luiz Gustavo (Wolfsburg), Fernandinho (Manchester City), Elias (Corinthians), Renato Augusto (Corinthians), Lucas Lima (Santos), Lucas Moura (PSG), Willian (Chelsea), Philippe Coutinho (Liverpool) e Oscar (Chelsea);

Atacantes: Ricardo Oliveira (Santos), Hulk (Zenit) e Douglas Costa (Bayern de Munique).

FICHA TÉCNICA

BRASIL 3 X 1 VENEZUELA

Data: 13 de outubro de 2015, terça-feira

Horário: 22h (de Brasília)

Local: Arena Castelão, em Fortaleza (CE)

Público: 38.970 presentes

Árbitro: Darío Ubriaco (Uruguai)

Assistentes: Carlos Pastorino e Nicolás Tarán (ambos do Uruguai)

Cartões amarelos: Douglas Costa (Brasil); Vizcarrondo (Venezuela)

Gols: Willian, aos 36 segundos, e aos 41 minutos do primeiro tempo; Christian Santos, aos 19 minutos, e Ricardo Oliveira, aos 28 minutos do segundo tempo.

BRASIL: Alisson; Daniel Alves, Miranda, Marquinhos e Filipe Luís; Elias, Luiz Gustavo e Oscar (Lucas Lima); Willian, Douglas Costa (Kaká) e Ricardo Oliveira (Hulk). Técnico: Dunga.

VENEZUELA: Baroja; Rosales, Vizcarondo, Amorebieta e Cichero; Rincón, Guerra (Murillo), Seijas, Christian Santos e Vargas (Figuera); Rondón. Técnico: Noel Sanvicente.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: