#FCnaCopa 03: Com geração mais experiente, Inglaterra tenta conquistar seu segundo mundial

Foto: Getty Images

English Team tem bons valores mas precisa evoluir

Os criadores do futebol, como os ingleses se intitulam, conquistaram uma Copa do Mundo, em 1966, em casa, e buscam coroar mais uma geração com um título mundial. Em 2018, na Rússia, a Inglaterra ficou em quarto lugar ao cair na semifinal para Croácia e perder a disputa de terceiro lugar para a Bélgica.

Agora, no Catar, com a geração mais experiente do que na última copa e mais protagonista em seus clubes, o English Team desponta como um dos candidatos ao título entretanto as apresentações recentes da equipe geraram críticas dos torcedores.

Southgate tem diversas opções táticas nesse que é um elenco com excelentes nomes. Alexander-Arnold, talvez o melhor lateral direito do mundo, é reserva de Reece James. Walker pode aparecer na zaga, e o time pode variar entre o 5-4-1 e o 4-2-3-1 com a entrada de Saka em um dos lados. Harry Kane é insubstituível no comando do ataque, e Tammy Abraham, da Roma, acabou não sendo escolhido.

Apesar das críticas ao desempenho da equipe, a Inglaterra fez um ciclo consistente com um vice-campeonato da Eurocopa e uma sólida campanha nas Eliminatórias porém o rebaixamento na Liga das Nações deixou uma dúvida para o Mundial.

Escalação provável

Time base: Jordan Pickford; Kyle Walker, Harry Maguire e John Stones; Kieran Trippier, Jude Bellingham (Kalvin Phillips), Declan Rice e Luke Shaw (Trippier); Mason Mount, Raheem Sterling e Harry Kane. Técnico: Gareth Southgate.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: