Ceará pune torcedores envolvidos nos atentados à sede do clube

Foto: Lucas Catrib / SVM

Na última terça-feira, 16, uma bomba foi arremessada em direção ao estacionamento onde ficam os carros dos jogadores do Ceará. A ação foi durante o treino da tarde e acabou assustando atletas, funcionários e algumas pessoas que se encontravam em Porangabuçu.

Logo mais a noite, os dois suspeitos voltaram a sede do clube e tentaram explodir os artefatos na loja da Avenida João Pessoa. A polícia conseguiu agir rápido e prendeu os autores do atentado.

O clima no Ceará segue tenso após a eliminação na Copa Sul-Americana, que foi a quarta na temporada, e derrota no Clássico-Rei do último domingo, que acabou resultando na demissão do técnico Marquinhos Santos. 

Via nota oficial, o vovô informou as punições dos dois torcedores identificados e detidos pelo envolvimento nos atendados à sede do Ceará, em Porangabuçu, na última terça-feira, 16.

Os envolvidos no incidente foram desligados do quadro de sócios torcedores do Ceará, bem como terão identificações cadastrais inaptas à compra de ingressos para jogos do Alvinegro dentro ou fora de casa.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: