Vina manda recado para torcida após episódio com bomba no treino do Ceará

Foto: Divulgação/Ceará

Na tarde desta terça-feira ,16, o Ceará se reapresentou em Carlos de Alencar Pinto para dar inicio a preparação visando o seu próximo compromisso na Série A do Campeonato Brasileiro. O treinamento teve que ser paralisado após uma bomba ser arremessada em direção ao estacionamento do clube. 

De acordo com informações de Lucas Catrib, do Globo Esporte, a polícia foi acionada para as proximidades do CT e realizam abordagens à procura dos responsáveis pelo ocorrido.

Em suas redes sociais, o meia Vina se pronunciou sobre o ocorrido e explicou uma fala sua que segundo o próprio foi tirada de contexto no momento do ato de vandalismo.

“Fala galera, vim me pronunciar aqui sobre o acontecido hoje no treino. Dizer pra vocês que tem algumas pessoas distorcendo o que realmente aconteceu. Quando falo pode entrar, na minha cabeça e de todos os jogadores, imaginamos que a policia estava barrando a torcida de entrar. Desde 2020 que estou aqui e todas as vezes que a torcida veio, a gente conversou, foi algo pacifico. […] Acho que violência não, jogar bomba muito menos”, disse o camisa 29.

Felizmente nem se machucou e as atividades voltaram a acontecer normalmente alguns minutos após o susto. Ainda de acordo com Catrib, haviam crianças (filhos de atletas) acompanhando o treino.

NOTA DO CEARÁ

O Ceará Sporting Club informa que na tarde desta terça-feira (16), durante o treino de reapresentação, um artefato caseiro foi arremessado do lado de fora para dentro da sede do clube. Repudiamos o ato criminoso, informamos que ninguém foi atingido e nenhum dano material foi ocasionado. Informamos também que o clube trabalha para descobrir os culpados. O CT de Porangabuçu conta com reforço na segurança e policiamento ostensivo. A preparação para a partida contra o RB Bragantino acontece normalmente neste momento em Carlos de Alencar Pinto.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: