“Fortaleza não vai medir esforços para que ele permaneça”, diz Alex Santiago sobre proposta por Yago Pikachu

Foto: Mateus Lotif/Fortaleza EC

Nesta terça-feira, 5, uma informação pegou a torcida do Fortaleza de surpresa e movimentou os bastidores do Tricolor de Aço. O Shimizu S-Pulse, do Japão, sinalizou que fará uma proposta ao Leão do Pici por Yago Pikachu e estaria disposto a pagar a multa rescisória do ala direito, um valor de aproximadamente US$ 1 milhão de dólares ou R$ 5,3 milhões de reais. De acordo com apuração do jornalista Mário Kempes, o valor da multa teria sido um pedido do próprio jogador para transferências internacionais.

O Fortaleza não quer perder seu artilheiro da temporada e segundo informações do jornal O Povo, a diretoria do Leão não fará esforços para manter o jogador. Ainda de com acordo com o jornal, dirigentes do clube cearense se reuniram com Yago Pikachu e o empresário do atleta, Alexandre Faria, em Curitiba. No encontro, o Fortaleza teria proposto um aumento salarial para Yago, além de uma nova extensão contratual. Ao jornal, Alex Santiago, diretor de futebol do Fortaleza, falou sobre o assunto:

“O clube não vai medir esforços para que ele permaneça no Fortaleza. A bola está nas mãos dele. O Fortaleza não esconde que fará qualquer melhoria necessária para mantê-lo no plantel. É uma peça importante. Cabe ao atleta a decisão”, disse Alex Santiago.

De acordo com apuração do Diário do Nordeste, Alex Santiago também revelou que a situação “está nas mãos do atleta”. O diretor e vice-presidente do Fortaleza disse que o clube está disposto a fazer uma nova valorização do jogador:

““Fomos procurados pelo empresário do jogador, ontem à noite, que disse que surgiu uma proposta do Shimizu S-Pulse do Japão, e que o clube asiático estaria disposto a pagar a multa rescisória contratual. Então, ontem, nos reunimos com o atleta, conversamos, propusemos nova valorização salarial, extensão de tempo de contrato, por entender que ele é peça importante no nosso projeto. Agora a situação está nas mãos do jogador. Com o pagamento da multa, uma ativação contratual, nós precisamos aguardar o posicionamento do atleta. Em março, tivemos uma valorização do jogador, com novo contrato, e como dito, estamos dispostos a fazer o mesmo novamente. Agora, tudo depende dele”, finalizou Alex Santiago.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: