Ceará fecha primeira fase da Sul-Americana com defesa menos vazada da competição

Foto: Felipe Santos/CearaSC

Técnico Dorival Júnior utilizou onze atletas de defesa ao longo da campanha na primeira fase

O torcedor alvinegro tem motivos de sobra para sentir orgulho da campanha do time na Copa Sul-Americana 2022. Além dos 100% de aproveitamento na fase classificatória e a vaga assegurada nas oitavas de final, os números da primeira fase do Alvinegro contam ainda a história de uma defesa sólida no torneio.

Ao longo dos seis primeiros jogos do Vovô na competição, o time comandado por Dorival Júnior sofreu apenas um gol, ainda na primeira rodada, contra o Independiente.

Mesmo com a primeira fase se encerrando nesta quinta-feira (26), o Ceará já tem a defesa menos vazada do torneio. Union de Santa Fé/ARG com 2 gols sofridos, e São Paulo, com 3, aparecem logo na sequência como, respectivamente, a segunda e terceira defesa menos sofreram gols no torneio.

Outro dado interessante é em relação aos jogadores utilizados ao longo da campanha. Com um calendário cada vez mais apertado e jogos em sequência, o técnico Dorival Júnior colocou em campo 11 defensores na primeira fase.

Foram a campo nos jogos da fase classificatória: os goleiros João Ricardo e Richard, os laterais Michel Macedo, Nino Paraíba, Bruno Pacheco e Victor Luís, além dos zagueiros Luiz Otávio, Messias, Gabriel Lacerda, Marcos Victor e Lucas Ribeiro.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: