Globo dá “rasteira” no SBT e retoma direitos de transmissão da Libertadores

(Foto: Mateus Lotif/FEC)

Emissora do Silvio Santos ficou com direitos da Sul-Americana

A Libertadores da América estará de casa nova (nem tão nova assim) a partir da próxima temporada. Isso porque, após uma acirrada disputa, a Globo venceu a concorrência contra o SBT e retomou os direitos de transmissão da competição para o quadriênio 2023-2026.

As informações são do colunista Gabriel Vaquer, do UOL. O contrato sela as pazes entre entre a emissora carioca e a Confederação Sul-Americana (Conmebol) após um longo imbróglio entre as entidades.

Em 2020, no auge da pandemia da Covid-19, a “plim plim” alegou não ter condições financeiras de arcar com o compromisso e rescindiu um contrato avaliado em US$ 60 milhões (cerca de R$ 325 milhões na cotação atual).

Na época, irritada, a Conmebol processou a emissora pedindo compensação financeira por danos, impedindo, ainda, a emissora de transmitir torneiros da entidade. Quem se beneficiou dessa “guerra” entre as instituições foi o SBT, que abocanhou a Libertadores e ainda transmitiu a Copa América de 2021, que teve a Argentina como campeã.

Globo x SBT na Libertadores

Libertadores
Fortaleza na Liberta. Mateus Lotif/FEC

O reinado da TV de Silvio Santos, no entanto, chegou ao fim. Transmitindo a Libertadores desde 2020, a emissora ficará agora com a Sul-Americana, como uma espécie de “prêmio de consolação”.

A manutenção do torneio no SBT era visto como prioridade, já que o produto fez a casa alcançar altos índices de audiência, o que não era visto há vários anos.

Nas finais de 2020 e 2021, ambas disparadas com brasileiros, o canal se aproximou da casa dos 30 pontos de audiência em São Paulo, principal praça publicitária do país.

A paz entre Conmebol e Globo

A relação entre as instituições começou a voltar para os trilhos ainda em 2021. Um acordo extrajudicial entre ambas foi filmado para o pagamento de uma multa de US$ 40 milhões (cerca de R$ 217 milhões na cotação atual).

A indenização pela quebra do vínculo será paga em parcelas até 2023. Este foi marco para que Globo e Conmebol voltassem a ser parceiras comerciais.

Libertadores e Sul-Ameicana na TV Fechada

Conforme a reportagem do UOL, Disney e Paramount terão direito a transmitir as duas competições. Entretanto, há vantagem para a Disney que ficou com o primeiro pacote e terá oportunidade de transmitir a final do torneio nas plataformas pagas.

Além disso, o conglomerado de mídia ainda recebeu os direitos para transmitir a Recopa Sul-Americana.

Na Copa Sul-Americana, a Disney escolherá os jogos que irá mostrar, enquanto a Paramount fica com os que ano foram exibidos. 

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: