Caucaia x Fortaleza – Onde assistir e informações

Foto: Pedro Chaves/FCF

Demorou mais do que o previsto, mas finalmente a bola vai rolar para a final do Campeonato Cearense 2022. Depois de mudanças de datas devido ao calendário e até julgamentos no TJDF-CE podendo paralisar a competição, Caucaia e Fortaleza iniciarão nesta sexta-feira, 22, a disputa pelo título estadual. O duelo de volta será no domingo, 24.

Os dois times chegam para as finais em situações distintas. Enquanto o Fortaleza enfrenta uma maratona de jogos, o Caucaia não disputa uma partida oficial desde o dia 12 de março, quando empatou com o Iguatu na semifinal do Cearense e garantiu vaga para a decisão.

Durante o período sem entrar em campo, o técnico Roberto Carlos comandou a Raposa Metropolitana em três amistosos. O Caucaia venceu o Pague Menos por 3 a 0 no dia 5 de abril, o Pacajus por 1 a 0 no dia 12, e o Sub-20 do Ceará por 1 a 0 no dia 16.

Já o Fortaleza passará por uma situação bem peculiar. Depois de estrear e vencer o Vitória na Copa do Brasil na última quarta-feira, 20, o Leão do Pici voltará a entrar em campo nesta sexta e no domingo, disputando três jogos em cinco dias.

Caucaia e Fortaleza iniciam decisão pelo título cearense 2022 - Foto: Pedro Chaves/FCF
Caucaia e Fortaleza iniciam decisão pelo título cearense 2022 – Foto: Pedro Chaves/FCF

Para o primeiro jogo da final, o técnico Juan Pablo Vojvoda já declarou que escalará uma equipe completamente diferente ao time titular que enfrentou o Vitória. A ideia da comissão técnica é evitar desgastes físicos visando rodadas da Taça Libertadores da América e do Campeonato Brasileiro.

Ficha Técnica
Caucaia x Fortaleza
Competição: Campeonato Cearense – Final (Jogo 1)
Data e horário: 22 de abril de 2022, às 21h35
Local: Arena Castelão
Arbitragem
Árbitro: Luciano Miranda
Assistentes: José Moracy de Sousa e Silva e Camila Ferreira de Sousa

Onde assistir
TV Jangadeiro e Nordeste FC

Prováveis escalações

Caucaia

Celio; Matheus Maranguape, Túlio, Roni Lobo, e Ceará; Wilker, Guto e Santos; Xandy, Iury Tanque e Vitinho

Técnico: Roberto Carlos

Fortaleza

Max Walef; Landázuri, Tinga, Titi; Vitor Ricardo, Zé Welison, Hércules, Matheus Vargas, Juninho Capixaba; Robson e Renato Kayzer Técnico: Juan Pablo Vojvoda

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: