Aos 40 anos, Ciel celebra boa fase e aguarda o Ceará

Foto: Victor Souza/Tombense

Ciel vai enfrentar o Ceará na Copa do Brasil com a camisa do Tombense

O interminável atacante Ciel parece continuar em boa fase apesar da idade. Atualmente no Tombense, de Minas Gerais, o jogador é o artilheiro da equipe com oito gols em 11 jogos na temporada. No último dia 31 de março, Ciel completou 40 anos e segue com fome de gol.

Em entrevista ao Globo Esporte, o atacante relatou que a longevidade é por causa do seu cuidado com o corpo seja com atividades ou alimentação.

“Minha rotina é baseada em uma boa alimentação, um sono adequado e treinos complementares. Além, é claro, do acompanhamento contínuo do clube e de seus profissionais mais que capacitados. Não posso esquecer jamais do meu velho cuscuz com ovo e café (risos). Não vivo sem. Sou um nordestino nato.”

Com passagens de destaque em Ceará, Icasa e Caucaia no futebol cearense, Ciel não pensa em parar de jogar e afirma que o corpo responde bem. Após se destacar no Sampaio Corrêa, na Série B 2021, o pernambucano segue em busca de mais conquistas na temporada. Em 2022, Ciel já conquistou a Recopa Mineira e ajudou a levar o time a terceira fase da Copa do Brasil. Eliminou Icasa e Moto Club e vai enfrentar o Ceará em jogos de ida e volta para decidir uma vaga nas oitavas de final do certame nacional.

No Campeonato Mineiro, Ciel é o vice-artilheiro da competição com sete gols marcados e só fica atrás de Hulk, que tem oito. O Tombense vai enfrentar o Democrata-GV na decisão do Troféu Inconfidência, que vale uma vaga na Copa do Brasil 2023.

Ciel e seus clubes na carreira

  • 2022: Tombense
  • 2021: Caucaia, Salgueiro e Sampaio Corrêa
  • 2020: Guarany de Sobral, Salgueiro e Caucaia
  • 2019: ASA e Caucaia
  • 2018: Dibba Al-Fujairah (Emirados Árabes) e Caucaia
  • 2017: Al-Ittihad (Emirados Árabes)
  • 2016: Al Ahli e Ceará
  • 2013 a 2015: Al Ahli (Emirados Árabes)
  • 2010 a 2013: Shabab Dubai (Emirados Árabes)
  • 2010: Paços Ferreira (Portugal), Corinthains-AL e ASA
  • 2009: América-RN e Ceará
  • 2008: Icasa, Ceará e Fluminense
  • 2007: Salgueiro, Ceará e Busan (Coréia do Sul)
  • 2006: Juazeiro, Santa Cruz, Salgueiro
  • 2005: Santa Cruz
  • 2004: Santa Cruz e Centro Limoeirense
  • 2003: Santa Cruz

Ciel

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: