BRASILEIRÃO CAMPEONATO BRASILEIRO Ceará Fortaleza Série A

Sonho por Libertadores, volta da torcida, provocações e treinos lotados: chegou o dia de um Clássico-Rei histórico

Foto: Felipe Santos/Ceará SC

Equipes se enfrentam às 20 horas

Nesta quarta-feira, 17, Fortaleza e Ceará se enfrentam pela 33 rodada do Campeonato Brasileiro Série A, às 20 horas, na Arena Castelão.

Anúncios

Cada ano que passa, o Clássico-Rei aumenta o nível de importância e o “maior clássico da história” é sempre o próximo jogo. Desde 2019, os rivais se enfrentam em jogos enormes. Neste ano já protagonizaram um duelo pelo mata-mata da Copa do Brasil. Melhor para o Fortaleza. Na temporada passada, o Vovô venceu os dois jogos na Série A e do primeiro turno desse ano.

Sonho por Libertadores

Com as últimas vitórias na Arena Castelão, o Ceará passou a sonhar com uma vaga na Taça Libertadores de 2022. Atualmente na décima colocação, o Vovô precisa de uma campanha quase perfeita na reta final.

Mesmo com os resultados ruins nas últimas rodadas, o Fortaleza tem vaga encaminhada na maior competição do continente. O Leão ainda sonha com uma vaga direta na fase de grupos via G-4 do Brasileirão.

Volta da torcida

Desde o retorno do público aos estádios, a torcida do Ceará colocou mais de 20 mil pessoas nos jogos contra Cuiabá e Sport. A torcida do Fortaleza botou cerca de 15 mil diante do São Paulo.

O último Clássico-Rei com torcida aconteceu no dia 1º de fevereiro de 2020, pela segunda rodada da Copa do Nordeste daquele ano com a presença de quase 29 mil torcedores.

Provocações

Como todo clássico, o clima dos bastidores fica quente. Além da pressão para vencer o maior rival, esse duelo reserva muita provocação de ambas as partes.

Na madrugada desta quarta-feira, um grupo de torcedores do Fortaleza colocou ovos, milho e galinhas mortas na entrada da torcida do Ceará. O perfil oficial do clube respondeu com ironia e solidariedade. O clube vai arrecadar alimentos nos próximos jogos para ajudar instituições carentes.

Treinos abertos

No feriado da segunda-feira, 15, a torcida tricolor lotou as dependências do Centro de Excelência Alcides Santos para apoiar o elenco antes do clássico.

A resposta aconteceu na terça-feira, 16, quando os alvinegros lotaram o CT de Porangabuçu no treino de apronto para o duelo desta quarta-feira.

Deixe uma resposta