CAMPEONATO BRASILEIRO CAMPEONATO CEARENSE COPA DO NORDESTE Floresta Série A - Cearense Série B - Cearense Série C

Floresta celebra aniversário no melhor momento de sua história

foto: Ronaldo Oliveira/ASCOM Floresta

Clube da Vila Manuel Sátiro comemora 67 anos entre futebol amador e profissional

Como diz no hino, foi no dia 9 de novembro, em 1954, que nasceu o Floresta Esporte Clube, em Fortaleza. Inicialmente, de forma amadora, o clube se desenvolveu, ganhando identificação com os moradores do bairro onde está até hoje, a Vila Manuel Sátiro.

Escudos do Floresta, ao longo dos 67 anos de história: divulgação/Floresta EC

Foram 61 anos no futebol amador, até que o Lobo da Vila ingressou na Série C do Campeonato Cearense, em 2015. Desde então, o sucesso veio de forma meteórica. Em 6 anos, o clube saiu da última divisão estadual, para a Série C do Brasileirão. E em 2021, o Verdão está no ponto mais alto de sua história e ainda almeja subir mais e mais. Confira algumas glórias conquistadas pelo aniversariante do dia:

A chegada a elite cearense

Estreando na Série C, em 2015, o Floresta conseguiu logo de cara, o vice-campeonato e consequentemente, o acesso para a Série B. Em 2017, ano mágico para o clube. Liderado por Edson Cariús, o clube conseguiu novo vice-campeonato, desta vez, na Série B, conseguindo assim, a vaga para a Série A do Cearense.

A cereja do bolo, ainda em 2017, veio no primeiro título profissional do Verdão em sua história. Foi na Taça Fares Lopes, onde o adversário da final, o poderoso Fortaleza, que disputou com força máxima o certame, por não ter conquistado vaga para a Copa do Brasil do ano seguinte. Como o Floresta tinha a vantagem do empate, o placar de 1×1 deu o troféu para o Lobo.

Anúncios

Sucesso na Série D

Em 2019, o clube estreou no Brasileirão Série D. A campanha foi surpreendente. O Lobo derrotou camisas históricas do futebol nordestino como: River/PI e Moto Club/MA, até cair na fase do acesso, para a Jacuipense/BA.

Sem dúvidas, foi uma boa estreia. Mas o melhor estava por vir. Em 2020, após o fracasso e rebaixamento no estadual, o clube corria sério risco de ficar sem calendário em 2021. A única chance, era conquistar o acesso para a Série C do Brasileirão. E o objetivo foi conquistado com louvor.

O Verdão caiu no grupo A3, considerado a chave mais difícil. Passou em 3º lugar, junto à América/RN, Salgueiro/PE e Globo/RN. No mata-mata, superou Itabaiana/SE e Juventude/MA, até reencontrar o tradicional América/RN, na fase do acesso. Foi na Arena das Dunas, com empate em 1×1, que o time cearense confirmou o acesso.

Na briga pelo título, derrotou o Novorizontino/SP, nas semifinais e parou no Mirassol/SP, campeão daquela edição. Vale destacar, que o primeiro citado, o Tigre do Vale, acaba de conquistar um novo acesso, desta vez, para a Série B nacional.

Permanência na Série C e Copa do Nordeste

Para o Lobo, 2021 foi um ano desafiante. Na difícil Série B Cearense, o clube entrou com time misto entre base e profissional e quase sofreu um novo rebaixamento, escapando em confronto direto contra o União, na última rodada. Na Série C nacional, situação bastante semelhante, onde o Verdão escapou na última rodada, ao vencer o conterrâneo Ferroviário, resultado que rebaixou a Jacuipense/BA, seu algoz da Série D 2019.

A permanência na Série C para 2022, foi bastante comemorada no CT Felipe Santiago. Contudo, o ano não havia terminado. Após uma mudança no regulamento, o Floresta entrou na disputa da Copa do Nordeste 2022. O Verdão ingressou na primeira fase das eliminatórias e derrotou camisas pesadas do futebol nordestino, como Treze/PB, Santa Cruz/PE e o Ferroviário/CE. Com isso, em 2022, o clube disputará pela primeira vez, a fase de grupos da principal competição regional do país.

O ano ainda pode se encerrar com título. Ainda sem vaga na Copa do Brasil 2022, os comandados de Daniel Rocha lutam pelo bicampeonato na Taça Fares Lopes 2021, torneio que está em andamento.

Anúncios

Deixe uma resposta