Atlético Cearense COPA DO NORDESTE Floresta Guarany de Sobral

Floresta é a quarta equipe cearense a disputar a Copa do Nordeste, além dos três grandes do estado; relembre as participações

Foto: Ronaldo Oliveira/ASCOM Floresta EC

Floresta participa, pela primeira vez, a Copa do Nordeste, campeonato regional mais importante do país

Na última terça-feira, 2, na Arena Castelão, o Floresta empatou em 1×1 com o Ferroviário, mas venceu por 4 a 3 nos pênaltis, garantindo uma classificação inédita para a fase de grupos da Copa do Nordeste. Além dos três grandes clubes do estado (Ceará, Fortaleza e Ferroviário), o Lobo da Vila é apenas a quarta equipe cearense a disputar o torneio regional. Guarany de Sobral, Juazeiro e Atlético Cearense (na época Uniclinic) foram os outros times a participarem do torneio. Relembre as participações:

Anúncios

Guarany de Sobral

O Cacique do Vale possui duas participações no principal torneio regional do país. O clube sobralense disputou a primeira edição, em 1994, e não fez feio. Com 1 vitória e 2 empates, o time foi líder do Grupo D, composto também por América de Natal, Capela-AL e Santa Cruz. Nas quartas de final, em jogo único, o Guarany acabou eliminado para o CRB, por 2 a 0, no estádio do clube alagoano.

Vinte anos depois, o Guarany voltou a disputar o Nordestão, após ser vice do campeonato estadual em 2013. Na fase de grupos, novamente o Cacique fez bonito, sendo líder do Grupo D, que tinha Sport, Náutico e Botafogo-PB, com 2 vitórias, 3 empates e 1 derrota. Nas quartas de final, o time do treinador Vladimir de Jesus perdeu os dois jogos para o Santa Cruz, na ida por 3 a 0, no Arruda, e na volta por 1 a 0, no Junco.

Juazeiro

Após o vice campeonato estadual de 1999, o Juazeiro garantiu participação na edição de 2000 do Nordestão. Entretanto, o novo time do Cariri fez péssima campanha, com 1 empate, 5 derrotas e nenhuma vitória no seu grupo, formado por Bahia, América de Natal e Sergipe.

Atlético Cearense (Uniclinic)

Ainda nomeado de Uniclinic, a Águia da Precabura disputou a Copa do Nordeste de 2017 após o vice estadual do ano anterior. A participação da equipe foi decepcionante, com 6 derrotas nos 6 jogos da fase de grupos, que jogou contra Campinense, Náutico e Santa Cruz. Além disso, o time tem a marca negativa de ter levado a maior goleada da história da competição, após perder por 9 a 0 para o Náutico, no estádio Domingão.

Anúncios

Referência: Bola na Área

Deixe uma resposta