BRASILEIRÃO Ceará

Com um a menos na maior parte do jogo, Ceará segura pressão e vence o Fluminense pelo Brasileirão

Felipe Santos / Ceará SC

O resultado deu fim a um jejum da equipe de sete partidas sem vencer na competição

Com um a menos praticamente a partida inteira e segurando a pressão adversária, o Ceará conseguiu vencer o Fluminense por um a zero pela 29ª rodada do Campeonato Brasileiro na Arena Castelão neste domingo, 31. De pênalti, logo no início da partida, o meia Vina deu a vitória para o Vovô depois de ficar sem vencer por sete partidas na competição.

Com o resultado importante, o clube alvinegro se afasta da zona de rebaixamento e chega aos 36 pontos na 11ª posição na tabela da competição. O Ceará entra em campo no próximo domingo, 7, quando enfrenta o Cuiabá.

Primeiro tempo

Sem muito tempo para as equipes se conhecerem dentro de campo, o atacante Jael, aos 3 minutos de jogo, é derrubado por Nino dentro da área. Pênalti marcado. Na cobrança, Vina deslocou o goleiro Marcos Felipe e abriu o placar para o Ceará. Com o apoio da torcida, o Vovô conseguiu, em passes rápidos dos homens da frente, envolver a marcação do Fluminense, mas sem ampliar o marcador.

Porém, aos 29 minutos, o lateral direito Gabriel Dias deu um carrinho muito duro contra o Marlon. O árbitro Raphael Claus não apitou a falta durante a partida, mas com o auxílio do VAR, reviu o lance e decidiu expulsar o jogador alvinegro. Com um a menos, o técnico Tiago Nunes teve que refazer o esquema tático da equipe, tirando Jael para colocar Igor na posição de Gabriel Dias. Pelo lado do Fluminense, a equipe tricolor tentava aproveitar a superioridade numérica, mas a defesa do Vovô conseguiu se manter intacta.

Segundo tempo

A volta do intervalo foi marcada pela alteração do Fluminense, que decidiu colocar Fred na partida para ser um segundo centroavante na área adversária, explorando os cruzamentos. Como resposta, o Ceará colocou Gabriel Lacerda para fazer uma linha de três, conseguindo segurar a estratégia adversária. O jogo chegou, em um certo momento, a ficar parado por diversas vezes, principalmente por parte da equipe alvinegra, que estava com um a menos por boa parte do jogo.

O Fluminense chegou de forma mais perigosa ao gol de João Ricardo apenas aos 34 minutos, quando Fred cabeceou por cima da trave. Lucca ainda marcou um gol aos 39, mas Lucca recebeu em posição irregular e o impedimento foi marcado. Pelo lado do Ceará, as alterações para manter o ritmo de jogo e a boa marcação eram feitas. No final, deu certo e o Vovô segurou o resultado com um a menos por boa parte do jogo.

Ficha técnica

Campeonato Brasileiro 2021 – 29ª Rodada

Ceará (1) x (0) Fluminense

CEA: João Ricardo; Gabriel Dias, Messias, Luiz Otávio, Bruno Pacheco; Fabinho, Fernando Sobral (Gabriel Santos), Vina (William Oliveira); Mendoza (Rick), Jael (Igor) e Erick (Gabriel Lacerda). Técnico: Tiago Nunes.

FLU: Marcos Felipe; Samuel Xavier, Nino, David Braz, Marlon (Danilo); André (Gustavo Apis), Martinelli, Arias; Luiz Henrique (Lucca), Abel Hernández (Bobadilla) e Caio Paulista (Fred). Técnico: Marcão.

GOLS: Vina

CARTÃO AMARELO: CEA: Fabinho, Mendoza e William Oliveira. FLU: André

CARTÃO VERMELHO: CEA: Gabriel Dias. FLU: Nenhum.

Local: Arena Castelão – Fortaleza/CE

Arbitragem:

  • Árbitro: Raphael Claus – SP (FIFA);
  • Assistente 1: Danilo Ricardo Simon Manis – SP (FIFA);
  • Assistente 2: Evandro de Melo Lima – SP (CBF);
  • Quarto Árbitro: José Dênis Garcês Lima – CE (CBF);
  • Analista de Campo: Francisco José de Sousa Soares – CE (CBF);
  • Árbitro de Vídeo: José Cláudio Rocha Filho – SP (CBF);
  • Assistente de VAR: Amanda Pinto Matias – SP (CBF);
  • Observador de VAR: Roberto Perassi – SP (CBF).

Deixe uma resposta