BRASILEIRÃO Fortaleza

Com árbitro de vídeo em ação e gol no fim da partida, Fortaleza vence a Chapecoense pelo Brasileirão

Fotos: Leonardo Moreira/FortalezaEC

Yago Pikachu marcou de pênalti no final do jogo, dando a vitória para o Leão

O Fortaleza ganhou por dois a um da Chapecoense na noite deste sábado, 16, na Arena Condá, pela 27ª rodada do Campeonato Brasileirão. Bruno Melo abriu o placar para o Leão, enquanto Rodrigo Silva empatou para a Chape. No final, Pikachu fez o da vitória de pênalti. Com o resultado, o Leão chega aos 45 pontos e permanece na terceira posição da tabela. A equipe tricolor voltar em campo 

Primeiro tempo

O primeiro tempo, principalmente em razão da equipe do Fortaleza, começou movimentado, pois logo aos cinco minutos, Angelo Henriquez chutou para a ótima defesa do goleiro Keiller. Apesar de não ter feito naquela hora, o Tricolor não se abateu e no minuto seguinte foi premiado com o gol. O ala Bruno Melo avançou pela esquerda e tentou cruzar para a área, mas Matheus Ribeiro, da Chapecoense, acabou desviando para a própria rede.

Mesmo a frente no placar, o Leão era dominante e tinha o controle da partida em posse de bola e chances, com a equipe catarinense fazendo uma pressão apenas no seu lado do campo. O fim da etapa estava próximo, com um resultado parcial positivo para o Fortaleza, até que Benevenuto falhou na defesa, dando a bola para Rodrigo Silva, que de frente a Felipe Alves não perdoou. Fim de primeiro tempo.

Segundo tempo

Na volta do intervalo, além do empate ao final do primeiro tempo, a equipe da Chapecoense voltou melhor depois da entrada de Geuvânio na partida. O Verdão conseguia trocar passes no campo ofensivo e, inclusive, rondar a área do Fortaleza com lances de perigo para o goleiro Felipe Alves.

Com a necessidade do resultado, o Fortaleza também fez alterações e colocou “sangue novo” dentro de campo. A partir dessa estratégia, o Tricolor voltou a crescer na partida com a possibilidade de estar na frente placar, pois Bruno Melo, depois de falta cobrada para a área, marcou de cabeça, mas Tinga participou do lance, atrapalhando o goleiro em posição irregular. Gol anulado pelo árbitro de vídeo.

No final da partida, a Chapecoense conseguiu marcar com Kaio Nunes depois de um contra-ataque rápido da equipe, mas acabou não valendo também. No início do lance, mais uma vez o árbitro de vídeo se fez presente, pois Moisés havia tocado com a mão na bola dentro da área, pênalti para o Fortaleza. Na cobrança, Yago Pikachu marcou o da vitória.

Ficha técnica

Campeonato Brasileiro – 27ª Rodada

Chapecoense (1) x (2) Fortaleza

CHA: Keiller; Matheus Ribeiro, Ignácio (Perotti), Joílson, Jordan, Mancha; Moisés Ribeiro, Denner (Kaio Nunes), Lima (Ronei); Mike (Henrique Almeida) e Rodrigo Silva (Geuvânio). Técnico: Pintado.

FOR: Felipe Alves; Tinga, Benevenuto, Matheus Jussa; Bruno Melo (Lucas Crispim), Ronald (Ederson), Felipe, Matheus Vargas (Lucas Lima), Yago Pikachu; Henríquez (Wellington Paulista) e David (Romarinho). Técnico: Vojvoda.

Gols: CHA: Rodrigo Silva. FOR: Bruno Melo e Yago Pikachu.

Cartão amarelo: CHA: Ignácio, Jordan e Geuvânio. FOR: Nenhum.

Cartão vermelho: Nenhum.

Local: Arena Condá – Chapecó/SC.

Arbitragem:

  • Árbitro principal: Zandick Gondim Alves Junior – RN
  • Árbitro Assistente 1: Vinicius Melo de Lima – RN
  • Árbitro Assistente 2: Flavio Gomes Barroca – RN
  • Quarto Árbitro: Celio Amorim – SC
  • VAR: Pablo Ramon Goncalves Pinheiro – RN

Deixe uma resposta