CAMPEONATO BRASILEIRO Ferroviário Floresta Mercado da Bola Série C

Série C: Duas derrotas e técnico entregando cargo; Confira a rodada dos cearenses

Foto: Divulgação/Ferroviário AC

Ferroviário e Floresta entraram em campo no mesmo dia e sofreram resultados dolorosos

O Brasileirão Série C está chegando na reta final de sua primeira fase. Ao todo, são 18 rodadas, onde a 15ª está em curso, restando dois jogos. Os representantes cearenses foram a campo no último sábado (04) e sofreram revés. Tanto Floresta, que jogou em casa às 15 horas, quanto Ferroviário, que jogou fora, às 21 horas, tiveram confrontos diretos.

Floresta 1×2 Altos

Atuando na Cidade Vozão, em Itaitinga, o Verdão da Vila, então 7º colocado, recebia o 8º colocado, Altos/PI. Outro tempero para os cearenses, foi a comemoração de 50 jogos de Leston Júnior, à frente do clube. Mas na festa, faltou combinar com os visitantes.

Após 7 jogos sem vitória, os piauienses voltam a vencer. E esse resultado foi construído em uma partida equilibrada e aguerrida. Aos 38 minutos, ainda da etapa inicial, o Floresta parou na trave, com Alisson Mira e um lindo voleio. E quando parecia que o Lobo da Vila ia dominar a partida, veio o balde de água fria. Em contra-ataque puxado por Gean, veio cruzamento na área e o gol saiu na finalização precisa de Betinho.

Com a derrota parcial, Leston modificou o time e viu a postura da sua equipe melhorar. O gol estava amadurecendo e o Jacaré se retraindo, até que finalmente saiu o empate. Flávio Torres, de cabeça, igualou o placar, já com 33 minutos do segundo tempo. Contudo, seis minutos depois, Leandro Amorim, de letra, marcou o gol da vitória dos visitantes.

O resultado inverte a posição das equipes. O Altos agora chega aos 18 pontos, na 7ª posição. O Floresta vem em seguida, com 16 pontos. No Z-2, a Jacuipense/BA tem 12 pontos e já jogou na rodada, sendo superada pelo Manaus/AM. O lanterna Santa Cruz/PE, tem 11 pontos e ainda joga, contra o Paysandu/PA.

Anúncios

Volta Redonda 2×0 Ferroviário

No estádio Raulino de Oliveira, na cidade de Volta Redonda, o confronto era de duas equipes em baixas, que buscavam voltar a vencer para se manter vivo na briga por classificação para a próxima fase. O Voltaço vinha de derrota para o lanterna, Santa Cruz, além de quatro jogos sem vitórias. Já o a equipe Coral, vinha de 6 empates seguidos.

No jogo, só deu Volta. Pressionou desde o início, fez valer o mando de campo e conquistou uma vitória sólida. Já o Tubarão da Barra, mais uma vez fez uma partida abaixo do esperado. Essa foi uma das piores do time de Diá, ao longo da Série C.

Na etapa inicial, o destaque foi para o goleiro Coral Rafael, que fez grandes defesas, evitando que os cearenses fossem para o vestiário atrás no placar. Até pênalti, a muralha do Peixe defendeu, ainda com 16 minutos. Lucas Naninho foi o cobrador que desperdiçou a penalidade.

Na volta do intervalo, a pressão permaneceu e logo deu resultado. Aos 6 minutos, Natan recebeu na área e finalizou no canto de Rafael, abrindo o placar. Sem oferecer perigo aos donos da casa, o Ferroviário foi presa fácil. Já no final da etapa, Pedrinho, de falta, fez uma pintura, ampliando o placar para o Voltaço, definindo o resultado da partida.

Com a vitória, o Volta Redonda assume a 3ª posição, temporariamente, com 22 pontos. O Ferroviário estaciona nos 20 pontos, na 6ª posição.

Próxima rodada

No próximo domingo (12), o Floresta vai a Tombos/MG, enfrentar a Tombense, às 11 horas. Já o Ferroviário, recebe o Paysandu/PA, no dia seguinte, às 15 horas, na Cidade Vozão.

Diá fora do Ferrão

Após o resultado diante do Volta Redonda, o folclórico técnico do Ferroviário, Francisco Diá, na coletiva pós-jogo, surpreendeu e entregou o cargo. Diá explicou a saída da seguinte forma: “Falei com o presidente, falei com a diretoria. Eu acho que é hora de uma mudança, porque nós estávamos há seis partidas sem perder, mas também estamos há sete sem ganhar. Eu nunca passei isso em toda a minha carreira. Eu acho que seria a hora de uma troca para esse grupo reagir. Talvez uma mudança de comando possa ser que o Ferroviário trilhe no caminho das vitórias e consiga classificar.”

Horas depois, o clube emitiu uma curta nota, oficializando a saída do técnico. Confira: ”O Ferroviário oficializa a saída de Francisco Diá do comando técnico da equipe coral. O mesmo entregou o cargo após a partida deste sábado. Agradecemos ao tempo no comando do Ferrão e desejamos sucesso na sequência da carreira.”

Francisco Diá chegou ao Ferroviário ainda na temporada 2020, mas no ano de 2021, para a disputada da Taça Fares Lopes. Foi campeão do torneio, levando o Tubarão a disputa da Copa do Brasil 2021. Pouco mais de um mês depois, foi líder da primeira fase do Campeonato Cearense 2021, o que deu ao clube, mais uma vaga para a Copa do Brasil, mas dessa vez, para a edição 2022.

No Estadual, fez boa campanha e só caiu diante do Ceará, na semifinal do torneio, em jogo polêmico. Também com muita polêmica, o Tubarão foi eliminado pelo América/MG, na segunda fase da Copa do Brasil 2021, onde deu muito trabalho para o Coelho.

Na Série C, veio a perda de peças do elenco, como o lateral Polegar, o atacante Wendson e junto disso, a queda de rendimento. Mesmo estando sempre na briga por classificação para a próxima fase, o time perdeu qualidade de jogo e os resultados negativos começaram a aparecer.

Anúncios

Deixe uma resposta