Fortaleza

Ederson destaca ação coletiva do grupo e brinca sobre a aquisição de seu passe: “É um problema bom”

Foto: Reprodução/TV Leão

Volante tricolor concedeu coletiva após vitória sobre América Mineiro

O volante Ederson, do Fortaleza, concedeu entrevista coletiva após a vitória por 4×0 sobre o América Mineiro, na Arena Castelão, nesta última quarta-feira, 7, pelo Campeonato Brasileiro. O jogador tricolor falou sobre a boa atuação da equipe, o seu rendimento individual e até mesmo sobre a questão de uma futura permanência no clube. Confira os principais trechos:

Anúncios

Vitória elástica

O atleta falou os motivos para o triunfo absoluto que a equipe conquistou na última noite:

“Eu acho que mais o trabalho que o time vem fazendo. Não tanto no dia a dia, porque o calendário é um pouco curto entre um jogo e outro. Mas a gente pega nossos erros a cada jogo e tenta corrigir. Acho que é mais um fruto do trabalho da comissão e também a seriedade que a gente vem tendo para fazer esse trabalho, assumir nossos erros e também pegar as coisas positivas. Então, a cada jogo, o professor vem e mostra os vídeos, erros, coisas boas, a gente pega esses erros e administra bem eles para não errar novamente e as coisas boas a gente deixa. Ele é um cara que sempre vem, pega, mostra tudo, quando tem que dar conselho, então acho que é um trabalho dos jogadores com a comissão técnica”, destacou o volante.

Futura aquisição?

Ederson tem seu passe pertencente ao Corinthians, e devido as suas ótimas performances, muito se fala em uma possível futura aquisição por parte do Fortaleza. O jogador comentou a respeito desse assunto:

“A questão da aquisição eu estou deixando com os meus empresários junto com a diretoria do clube. Já falei que me sinto feliz, estou em um momento muito bom aqui, então deixo isso para eles poderem resolver”. E completou: “Acho que é um problema bom, quando a gente tem que resolver coisas que são positivas. Se for uma aquisição vai ser muito importante para o clube e também para mim. Uma coisa pega a outra, meu desempenho, o clube também vem me ajudando muito desde o momento que cheguei, você pode ver minha evolução aqui, então é um ajudando o outro. Mas esse problema bom eu deixo para eles resolverem (risos)”.

Início do jogo e problemas com gramado

O Fortaleza conseguiu marcar o primeiro gol aos 46 minutos do primeiro tempo. Com isso, Ederson falou sobre o início de jogo do time:

“A gente desde o começo estávamos tentando buscar o resultado, até pela derrota no último jogo, então a gente precisava vencer, pegar essa confiança novamente. Sobre os erros, eu não costumo falar muito do campo, mas acho que foi mais por ele. Quem está assistindo dá para ver que a gente precisa de 3, 4 toques para conseguir dominar a bola por conta da dificuldade de como ela chega. A gente vem falando para dar uma atenção a mais nessa questão do gramado para facilitar o nosso jogo”, criticou o atleta leonino.

Atuação individual

Questionado se esta sua partida diante do América Mineiro teria sido a sua melhor atuação individual pelo Fortaleza, o volante respondeu:

“Eu costumo ver a questão de desempenho quando chego em casa, com a cabeça mais fria. As vezes, no calor do momento, eu poderia chegar aqui e falar que foi a melhor, por conta do gol e da assistência. Mas a minha principal função é o meio de campo, circular bem a bola, desarmes, então eu preciso saber como foi essa questão de desarmes, interceptações. Foi uma noite especial pelo meu aniversário, gol, assistência, mas depois eu vou ver com calma como foi (o jogo). Costumo ter uma autocrítica quanto a passes errados, que hoje errei umas três inversões. Depois vou calma pegar meu desempenho do jogo e posso falar com mais tranquilidade”.

Para conferir a entrevista completa, assista:

Anúncios

Deixe uma resposta