CAMPEONATO BRASILEIRO Entrevistas Fortaleza

Vojvoda considera empate com Atlético-GO justo e comenta: ‘Foi disputado durante todos os 90 minutos’

(Foto: Reprodução/TV Leão)

O técnico tricolor concedeu entrevista coletiva após empate por 0 a 0 diante do Atlético-GO.

Na noite desta quinta (17), o Fortaleza empatou por 0 a 0 com a equipe do Atlético Goianiense, pela 4ª rodada do Campeonato Brasileiro Série A. Após a partida, o técnico do Leão, o argentino Juan Pablo Vojvoda concedeu entrevista coletiva, ainda no Estádio Antônio Aciolly, o treinador tricolor falou sobre as dificuldades encontradas no jogo e sobre a atuação de seu time, falou também sobre a importância de pontuar fora de casa no Brasileirão.

Pontos determinantes para o empate

Logo no começo da entrevista coletiva, Vojvoda foi perguntado sobre a partida e quais os pontos determinantes para a partida terminar empatada.

“Eu acredito que foi uma partida muito equilibrada, onde enfrentamos um adversário com uma boa dinâmica, um adversário muito físico em certos momentos do jogo, eu acho que o ponto conseguido é importante, em um campo muito difícil e  que nossa equipe respondeu defensivamente de uma boa maneira.”

Anúncios

Alternância nos volantes

Perguntando sobre uma possível alternância na volância, Vojvoda falou sobre o porquê da dupla Felipe e Éderson no jogo de hoje e sobre Ronald que não foi relacionado para o jogo.

“Ronald não pode viajar devido a um inconveniente, quanto aos volantes os outros nesta posição tem variações mas não tínhamos todos a disposição para essa partida, nossos volantes são Pablo, Blanco, Ronald, Jussa e muitos deles não estavam disponíveis para a partida de hoje.”

Anúncios

Dificuldade do Fortaleza no jogo

Vojvoda foi perguntado sobre a dificuldade do Fortaleza na partida desta quinta e o que poderia ter acontecido.

“Havia espaço atrás da linha defensiva adversária e nós podíamos encontrar o melhor passe para aproveitar esses espaços, o estilo de jogo escolhido não foi bom nesta partida, talvez porque o rival propôs um jogo onde não podíamos associar muito.”

Ao que se deve a não marcação de gols hoje

Vojvoda perguntado sobre a partida ofensiva do Fortaleza respondeu se deu por conta de um poder ofensivo abaixo ou um bom jogo da defesa adversária.

“As duas coisas, creio que o adversário soube neutralizar o ataque do Fortaleza, porém acho que devemos melhorar os fundamentos para criar mais situações de gol, me recordo apenas de duas situações de gol de nossa parte.”

Anúncios

O placar traduz o jogo

Perguntado se o placar da partida foi justo e que traduz o jogo Vojvoda não pensou duas vezes e elogiou a equipe do Atlético.

“Sim, creio que o 0 a 0 foi justo para o jogo de hoje, o adversário e o Fortaleza são equipes muito equilibradas, os times são muito parelhos e não houve muitas situações de gol, nosso goleiro trabalhou muito bem uma vez e o goleiro deles trabalhou uma vez muito bem.”

Posse de bola

Vojvoda falou sobre a não implementação do estilo de jogo hoje, perdendo na posse de bola e com menos finalizações que o adversário.

“Um adversário que propôs um jogo dinâmico, com muita pressão, com um campo muito difícil para jogar,um bom adversário, muitas vezes iremos encontrar este tipo de situação, então precisamos saber adaptar as situações de jogo.”

Reforços

Perguntado sobre as lesões dos atletas, Vojvoda falou se já pensa em reforçar o elenco.

“Hoje estou pensando somente na recuperação do jogo de hoje e a partida de domingo diante do Fluminense, sobre os reforços deixamos que o tempo mesmo dirá, o pessoal do corpo técnico já está trabalhando neste aspecto.”

Partida dura

Perguntado se foi a partida mais difícil desde que assumiu o Fortaleza, Vojvoda elogiou o Atlético Goianiense e lembrou do clássico-rei pela Copa do Brasil.

“Sim, tivemos partidas com o Ceará, no primeiro jogo da Copa do Brasil tivemos um primeiro tempo muito disputado, porém fomos superiores no segundo tempo, já hoje foi disputado durante todos os 90 minutos.”

Anúncios

Deixe uma resposta