Sem categoria

Charles fala sobre a importância de vencer o Arsenal de Sarandí: “Deixa a gente muito perto da classificação”

(Foto: Marcelo Vidal/Ceará S.C.)

Além disso, o volante falou sobre o que o Ceará deve fazer de diferente da primeira partida contra o time argentino para sair com a vitória dessa vez.

Um dia antes de jogar novamente contra o Arsenal de Sarandí pela Sul-Americana, agora na Arena Castelão, o volante Charles concedeu entrevista coletiva nesta terça-feira, 11. Na ocasião, o jogador falou sobre a importância desse confronto; o que fazer de diferente do primeiro jogo contra esse adversário.

Importância do confronto

Empatado em número de pontos com o Bolívar, o Ceará se mantém na liderança do grupo C por causa do critério de desempate, o saldo de gols. Dessa forma, Charles destaca que a partida de amanhã, 12, contra o Arsenal de Sarandí, é de fundamental importância para a campanha do alvinegro na competição.

“É muito grande a importância desse jogo de amanhã, é um jogo difícil contra uma grande equipe da escola argentina (Arsenal de Sarandí). […] Jogamos em casa, então essa vitória nos deixaria muito confortável na competição. A gente falou que em casa temos sempre procurar vencer e fora sempre trazer pontos. Então é um jogo de extrema importância e uma vitória deixa a gente líder e muito perto da classificação. É focar ao máximo”.

O que fazer de diferente?

A próxima partida será a segunda vez que o Ceará enfrenta a equipe argentina pela fase de grupos da Sul-Americana. No primeiro confronto, no estádio Julio Humberto Grondona, o Vovô não conseguiu ser efetivo ofensivamente e a partida acabou terminando em um empate de zero a zero. Nesse sentido, o volante fala em igualar na força com o adversário.

“Foi um jogo muito difícil que a gente teve na Argentina contra eles, um jogo de muita imposição física e muita força. A equipe deles gosta desse jogo e o que a gente tem que fazer é igualar isso. O nosso time é muito técnico, com boas trocas de passes, então devemos procurar marcar forte e quando tiver a bola conseguir ter essa troca de passe, com ataques rápidos pelos lados. Manter o que estamos fazendo, pois quase vencemos eles lá, então é daqui para mais”.

Deixe uma resposta