Fortaleza

Benevenuto assume não conhecer o trabalho de Vojvoda, mas ressalta: ‘O Fortaleza buscou o melhor nome’

(Foto: reprodução/TV Leão)

Marcelo Benevenuto concedeu entrevista coletiva nessa sexta-feira (7)

Na última terça-feira (3), o Fortaleza anunciou a chegada do novo treinador. O argentino Juan Pablo Vojvoda foi o escolhido para assumir o posto deixado por Enderson Moreira. O comandante deverá chegar à capital cearense no domingo (9), para treinar o Leão do Pici pela primeira vez no dia seguinte. Sobre a chegada do profissional, Marcelo Benvenuto assume que não o conhecia, mas ressalta que o clube fez a escolha certa:

Anúncios

“Cara, acontece que eu não conheço. Espero que ele venha mostrar toda a sua criatividade aqui no Fortaleza e que venha a ter sucesso aqui no clube. A gente vai ajudar ele no dia a dia também. O Fortaleza buscou o melhor nome para o clube e acredito que ele vai vir para dar o melhor aqui para o time. O Fortaleza também tem tudo para dá aqui para ele. Tem uma estrutura excelente para que ele possa vir fazer um bom trabalho”.

Com o Campeonato Brasileiro próximo de ser iniciado, Marcelo Benevenuto acredita que a equipe não terá o tempo ideal para treinar com o novo treinador. Porém, o defensor ressalta que é preciso dá tempo para o novo treinador e para os atletas assimilarem a nova filosofia de jogo:

“Cara, acho que tem que dá tempo. Não seria o tempo ideal, já que o Campeonato Brasileiro vai começar agora dia 29. Tem que dá um tempo para o treinador e para a gente também conhecer a filosofia dele de jogo”.

Último reforço anunciado pelo Fortaleza, o zagueiro Titi realizou as primeiras atividades com a nova equipe nessa semana. Comentando sobre o novo companheiro de zaga, Marcelo Benevenuto acredita que ele irá agregar muito para o clube:

“Falando sobre a chegada do Titi, é um cara muito experiente, que vai agregar muito para o clube, para mim que sou novo também. Ontem mesmo no treino, teve um lance que eu dei um carrinho e ele falou ‘Não, fica em pé. Sua chance de pegar a bola vai ser maior’. E eu acho que os dois lados ganharam (Titi e Fortaleza) por ter um cara do nível dele no clube”.

Para finalizar, Benevenuto comentou sobre o “absurdo” calendário brasileiro de futebol. Apesar da leve reclamação, o defensor acredita que os atletas devem se adapta a sequência de jogos e não usar isso como desculpa:

“O calendário brasileiro é absurdo. Você joga no domingo, aí depois tem que jogar quarta. Mas acho que a gente tem que se adaptar o mais rápido possível. Não podemos dar desculpas nisso. Temos que nos adaptar e fazer o melhor planejamento possível”.

Anúncios
Guilherme de Andrade
Tenho 19 anos e curso jornalismo.
http://guilhermesport.wordpress.com

Deixe uma resposta