Atlético Cearense CAMPEONATO CEARENSE Caucaia Ceará Crato FCF Ferroviário Fortaleza Icasa Pacajus Série A - Cearense

Campeonato Cearense: Como estão os clubes depois dessa longa paralisação?

Foto: Divulgação/FCF

Ceará, Ferroviário e Fortaleza foram os únicos clubes que tiveram compromissos oficiais, durante esse período

O Campeonato Cearense está de volta. Por meio de decreto, para combater o avanço da pandemia, o Governador Camilo Santana, paralisou jogos de âmbito estadual, em solo cearense. O torneio foi interrompido após o término da primeira rodada da segunda fase, no dia 10 de março e retornará um mês e meio depois, no próximo sábado (01). Relembre os resultados da última rodada realizada:

Crato 1 x 0 Icasa
Pacajus 2 x 4 Caucaia*
Ferroviário 2 x 1 Ceará
Atlético 0 x 2 Fortaleza

Observação para o jogo entre Pacajus x Caucaia. Apesar da vitória, a Raposa Metropolitana acabou penalizada com a perda de seis pontos, pela escalação irregular do atleta Hugo Freitas, que deveria ter cumprido suspensão por acumulo de três cartões amarelos, mas acabou entrando em campo.

Depois desse breve resumo sobre como estava o torneio até a interrupção, que tal conferir o que aconteceu e como chegam os oito clubes dessa segunda fase:

Atlético

Em contato com o Portal Futebol Cearense, a Assessoria de Comunicação do Clube informou que a Águia conseguiu manter cerca de 90% do elenco, sofrendo perdas pontuais. O atacante Vinicius, por exemplo, disputou a Série B do Cearense em 2020, pelo Crato, por empréstimo e foi artilheiro. Durante a paralisação, o atleta voltou a ser emprestado e hoje reforça o Grêmio Anápolis/GO.

Com a volta do torneio, o clube anunciou três reforços, na semana: o atacante Tiago Cunha, de 21 anos, cria da base do Ceará e o lateral direito Felipe, de 28 anos. O terceiro, ainda será anunciado.

Caucaia

Além de retornar com -3 pontos, a Raposa Metropolitana foi uma das equipes que mais sofreram com a crise financeira. O clube emprestou 90% do elenco e disputará o Cearense com um time misto, entre profissionais e amadores. Maior perda, foi a do atacante Ciel, artilheiro do campeonato e ídolo do clube, que hoje integra o elenco do Sampaio Corrêa.

A expectativa agora, é ”cumprir tabela” no Estadual e se preparar para o principal torneio para o clube na temporada: o Brasileirão Série D.

Ceará

Derrotado com time alternativo pelo Ferroviário, na partida que foi sua estreia no torneio, o Vovô fez jogos de peso e históricos. Como exemplo, essa partida citada foi a única derrota do Alvinegro na temporada 2021. Depois desse jogo, o time de Guto Ferreira chegou a segunda final seguida de Copa do Nordeste, ainda sem ser derrotado no torneio regional e estreou na Copa Sul Americana.

Primeiro, venceu o Jorge Wilstermann/BOL, por 3×1, no Castelão, marcando seu primeiro jogo oficial contra uma equipe de fora do Brasil. No segundo jogo, um 0x0 na Argentina, contra o Arsenal de Sarandí, estreando também, fora do país.

Tratando-se de elenco, o Ceará não sofreu baixas. Pelo contrário, estreou novas contratações, como: Mendonza, Messias e Gabriel Dias. Contudo, dado o calendário apertado em meio a final da ”Lampions League” e duelos decisivos na ”Sula”, a comissão técnica do Vovô decidiu que vai usar o elenco sub-23 nessa fase do estadual.

Crato

Voltando da Série B, o Azulão não teve condições de segurar o elenco durante a parada e acabou dispensando todo o grupo que iniciou o torneio. Para a retoma do campeonato, o clube fechou uma parceria com o Tiradentes, que disputa a Série B estadual e utilizará o grupo do Tigre da PM. Para facilitar financeiramente, o Crato mandará seus jogos restantes em Fortaleza.

Não é a primeira parceria desse tipo, que o Azulão faz. Aliás, o acesso em 2020 foi conquistado com o elenco do Atlético.

Ferroviário

O Tubarão fez duas partidas, pela Copa do Brasil, em todo esse período. Na primeira, eliminou o Porto Velho/RO, em Duque de Caxias/RJ. Na segunda fase, acabou eliminado naquele polêmico duelo contra o América/MG, onde a decisão foi para os pênaltis e na primeira cobrança, Adilson Bahia chutou a bola no travessão e a mesma desceu dentro do gol, mas a arbitragem considerou que não foi gol. O Clube Coral pediu anulação da partida, que foi rejeitada e ainda corre os tribunais.

Mesmo com toda essa confusão, o que se viu foi um time bem treinado e que fez frente a uma equipe da elite do futebol brasileiro, o que dá esperanças ao torcedor coral. Além disso, a cota recebida no torneio nacional, de aproximadamente R$ 1,2 milhão, possibilitou ao Tubarão, manter seu elenco, sem baixas e focado no retorno da competição estadual.

Todo esse contexto faz do Ferroviário um dos favoritos. O time de Francisco Diá só perdeu uma partida na temporada 2021, ainda na segunda rodada da primeira fase do estadual, para o Pacajus.

Anúncios

Fortaleza

Apesar de ter realizado bons jogos e ter tido um grande aproveitamento, o momento do Leão é delicado. O clube chegou até a terceira fase da Copa do Brasil, eliminando suas equipes gaúchas (Caxias e Ypiranga) e se classificou para o mata-mata da Copa do Nordeste na liderança geral, com autoridade. Mas o futebol praticado time comandado por Enderson Moreira não convencia a torcida, até que o barril explodiu no último final de semana. O Tricolor acabou eliminado em casa, nas semifinais da competição, para o Bahia e o treinador foi demitido no dia seguinte.

Até o momento, sem treinador, o Fortaleza tem apenas o Estadual para se apegar, nesse primeiro semestre, pelo menos até o início do Brasileirão. Assim como o maior rival, o Leão não sofreu baixas no elenco e teve as estreias de Yago Pikachu (Lateral) e Marcelo Benevenuto (Zagueiro). Wellington Nem (meia) e Titi (zagueiro) ainda não vestiram a camisa Tricolor.

Icasa

O Verdão do Cariri também foi bastante afetado. Logo no começo da paralisação, o clube dispensou atletas e até a comissão técnica, incluindo o treinador Washington Luís, um dos responsáveis pelo retorno do clube, a elite do futebol cearense.

Contudo, desde o anúncio do retorno do Estadual, parece que o Icasa teve sucesso em montar um novo elenco. O novo comandante é um velho conhecido, Rony Araújo. O agora técnico do profissional estava no comando da base do clube, quando o cargo ficou vago. E ao longo da semana, o Verde Vale anunciou em seu perfil oficial, no Instagram, todos os novos componentes.

Pacajus

O Portal Futebol Cearense entrou em contato com o clube, mas até o fechamento dessa matéria, não há muitas informações sobre o atual elenco do Cacique do Vale do Caju. Nos foi informado apenas que, o clube foi bastante afetado, perdendo várias peças do grupo, mas não nos foi especificado a dimensão da crise, para o Pacajus.

Sob o comando do técnico Roberto Carlos, de grande história pelo Horizonte, o Cacique fez grande campanha na primeira fase, jogando um grande futebol. Foi o único a derrota o campeão da fase, Ferroviário.

Jogos da 2° Rodada

Oficializando o retorno, o Leão do Pici receberá o Caucaia, no Castelão, nesse sábado (01). Já o Vovô jogará no dia seguinte, 24 horas depois de entrar em campo, pela final da Copa do Nordeste, porém, com o elenco sub-23, como foi dito acima. Os outros dois jogos da rodada serão no domingo, às 15:30. Confira a tabela detalhada:

19h- Sábado (01) – Fortaleza x Caucaia – Arena Castelão
15h30- Domingo (02) – Crato x Ferroviário- Estádio Domingão
15h30- Domingo (02) – Icasa x Atlético- Estádio Mirandão
16h- Domingo (02) – Ceará x Pacajus – Arena Castelão

Anúncios

Deixe uma resposta