Fortaleza Mercado da Bola

Fernando Diniz recusa assumir Fortaleza, mas não descarta negociação futura, diz jornalista

(Foto: Divulgação/São Paulo FC)

Tricolor de Aço busca novo técnico após saída Enderson

O Fortaleza segue no mercado em busca de um novo técnico para assumir a vaga deixada por Enderson Moreira. A bola da vez é o treinador Fernando Diniz, ex-São Paulo (SP) e Fluminense (RJ), sondado pelo Tricolor de Aço, mas a negociação pode ter um desfecho desfavorável.

Isso porque, conforme apuração do jornalista Marcelo Hazan, do Goal, o profissional negou contrato imediato com o Leão do Pici, mas não descartou negociação futura com o time cearense.

De acordo com a reportagem, a tratativa do Fortaleza e a negativa de Diniz são movimentos anteriores ao pedido de demissão do técnico Ariel Holan, do Santos (SP). Dessa forma, a recusa não seria motivada, a princípio, pelo lugar vago no comando do clube paulista.

 “Já tivemos contato com Diniz, mas é uma situação ainda em aberto e não vou ter pressa para definir o treinador. Temos tempo para escolher e fazer a escolha correta. É extremamente estratégica, direciona muitas coisas no clube, então vamos fazer para acertar”, disse o presidente do Fortaleza, Marcelo Paz, em entrevista ao Globoesporte.

O último trabalho de Fernando foi a frente do São Paulo. Ele chegou em setembro de 2019, mas foi desligado em fevereiro 2021, após zeradas as chances de título da equipe no Brasileirão. Ele comandou a agremiação em 74 jogos, obtendo 34 vitórias, 20 empates e 20 derrotas. O aproveitamento foi de 54,9%.

Sobre a demissão de Enderson, o mandatário tricolor disse ao GE que a nova regra que limita a troca de treinadores na Série A do Campeonato Brasileiro foram um dos motivos que influenciaram na mudança.

O que disse Enderson?

Nas redes sociais, entretanto, Enderson Moreira se disse surpreso com a decisão. “A troca de treinadores é bastante corriqueira no futebol brasileiro, mas, dessa vez, recebi com surpresa a notícia do meu desligamento do Fortaleza, muito em virtude de tudo o que vinha sendo construído com o respaldo da diretoria. Ano passado, fui contratado com a missão de garantir a permanência da equipe na Série A do Campeonato Brasileiro, e esse objetivo foi alcançado,” afirmou.

Israel
Jornalista

Deixe uma resposta