Ceará

Vina fala sobre jogo decisivo pela Copa do Nordeste: “Temos que nos preparar mentalmente”

(Foto: Reprodução/Vozão TV)

Além disso, o meia alvinegro destacou a responsabilidade de manter o mesmo desempenho na temporada passada.

Na última quinta-feira, 15, o meia atacante Vina concedeu, na data de seu aniversário, uma coletiva de imprensa. Na ocasião, ele falou sobre a possibilidade de ter um desempenho ainda melhor em 2021; a sensação individual para a partida decisiva contra o Sampaio Corrêa, pelas quartas-de-final da Copa do Nordeste e o desejo de marcar o seu primeiro gol na temporada 2021.

Melhorar o que já foi feito de bom

Sendo o destaque do time em uma temporada histórica para o Ceará, como foi a de 2020, Vina diz saber que para o seu segundo ano no clube a responsabilidade aumenta e as cobranças só tendem a aumentar. 

“Eu sou um cara que costumo falar que muitas situações da vida não importam como começam e sim como terminam. Mas é óbvio que a partir do momento que você vai bem e tem números expressivos a responsabilidade aumenta e as pessoas te cobram mais. Eu tenho a consciência tranquila que é um começo de trabalho, são poucos jogos, a gente vem de um calendário junto, 2020 e 2021 e aos poucos venho me entrosando com meus novos e antigos companheiros para fazer um grande ano e estar comemorando coisas grandes no clube. Um dos motivos da minha renovação é continuar a fazer uma linda história com essa camisa”.

Momento decisivo

No próximo domingo, 18, o Ceará fará uma partida decisiva contra o Sampaio Corrêa, pelas quartas-de-final da Copa do Nordeste. Questionado sobre como se preparar para esse tipo de jogo, Vina fala que todo atleta gosta de jogar um confronto como esse e destaca a preparação mental.

É um jogo que todo jogador gosta de jogar, uma decisão, um clássico. Eu sou um cara que gosta de jogos assim, mas óbvio que para jogos assim, mata-mata, temos que nos preparar mentalmente também, para estar preparado para qualquer situação de jogo. Taticamente, a gente vem trabalhando firme com o Guto e a sua comissão técnica, mas também tem o lado individual de cada atleta e eu sou um cara que, para jogos assim, procuro trabalhar mentalmente”.

Primeiro gol

Artilheiro do Ceará na temporada passada, Vina ainda não balançou as redes no início da atual. Para ele, com todo o esforço e trabalho feito no dia a dia, os gols vão aparecer no momento certo e naturalmente.

“Acho que vão aparecer naturalmente. Sou um cara que tem bastante fé em Deus, acredito que tudo acontece no tempo dele, então é continuar trabalhando. Toda noite dormir tranquilo e com a consciência de estar fazendo o seu melhor, as coisas vão acontecendo naturalmente. É óbvio que a vontade de fazer o gol existe a todo jogo, a todo momento, sou um cara que gosta de estar ajudando efetivamente o clube, seja com gols ou assistências. Então é continuar a trabalhar que na hora certa esse gol vai sair e depois as coisas vão acontecendo naturalmente”.

Deixe uma resposta