Fortaleza

Wellington Paulista revela ter recebido propostas para sair e comenta sobre duelo contra CSA

(Foto: reprodução/TV Leão)

Wellington Paulista concedeu entrevista coletiva nessa quinta

Nesta quinta-feira (15), o centroavante Wellington Paulista, titular do Fortaleza neste começo de temporada, concedeu entrevista coletiva diretamente do Centro de Excelência Alcides Santos. Na ocasião, o “camisa 9” comentou sobre a renovação de contrato; aposentadoria e o duelo diante do CSA, no próximo sábado (17):

Anúncios

Renovação de contrato

No começo deste mês (abril), o Fortaleza anunciou a renovação de contrato de Wellington Paulista até o final de 2022. O centroavante disse o que o motivou a estender o vínculo com o Leão do Pici, e ainda revelou ter recebido outras propostas antes de acertar sua permanência:

“O que me motivou foi o clube mesmo em si, os funcionários, diretoria, todo mundo muito gente boa. Quando a gente está feliz em um lugar, você não quer deixar de jeito nenhum. Tive algumas propostas interessantes para sair, mas conversando com os meus familiares, minha esposa e com o meu agente, definimos que seria muito melhor ficar aqui no Fortaleza, porque já estou muito feliz, muito bem ambientado”.

Aposentadoria

Wellington Paulista já não é mais nenhum garoto. Com 37 anos, o atacante já vê a aposentadoria com uma possibilidade para o futuro. Entretanto, o centroavante diz que enquanto estiver bem fisicamente, vai continuar jogando:

“Por causa da idade o pessoal já pensa nessa possibilidade (aposentadoria). Eu também não fujo disso disso, sei que uma hora vai acontecer. Conversando com a minha esposa e com meus familiares, eu sempre disse que enquanto eu estiver bem fisicamente vou estar jogando, e eles me apoiam bastante quanto a isso. Então é continuar trabalhando para que eu possa estar bem fisicamente”.

CSA

No próximo sábado (17), o Fortaleza enfrentará o CSA pelas quartas de final da Copa do Nordeste. O adversário do Leão do Pici chegará ao confronto após ser eliminado na Copa do Brasil. Apesar disso, Wellington Paulista não acha que o time alagoano esteja em mau momento, e elogia a qualidade dos rivais:

“Referente ao CSA, é uma grande equipe. Não concordo que esteja em um mau momento. É uma equipe de muita qualidade, com um muito bom treinador, que sabe trabalhar a posse de bola. Joguei contra ele algumas vezes, então sei da qualidade que tem o treinador e sei da capacidade que é o time adversário. Temos que estar concentrados para o grande jogo que vai acontecer e buscar a vitória a todo momento”.

VAR

Uma das novidades para as quartas de final da Copa do Nordeste é a chegada do VAR. O centroavante comemorou a implementação da tecnologia na competição regional, mas espera que o árbitro de vídeo não precise ser utilizado:

“Eu acho que seria de bom grado, porque aconteceram muitos erros na Copa do Nordeste contra nós. Vai ser muito bom para a gente, porque as vezes o olho humano não consegue enxergar, e o VAR acaba ajudando a gente. Espero que a gente consiga fazer um grande jogo e nem precise do VAR”.

Sem favoritismo

Embora o Leão do Pici esteja passando por um bom momento, Wellington Paulista descarta o favoritismo na partida contra o CSA. Para o atacante, são “onze contra onze”, e ressalta a dificuldade que será enfrentar o time alagoano:

“Não. Algumas pessoas podem colocar favoritismo para a gente, mas acho que dentro de campo são onze contra onze. Hoje em dia não tem torcedor para nos motivar ainda mais, que seria de suma importância para a gente. Temos que nos dedicar ao máximo, estar bem concentrado. Não é porque nós estamos na Série A que a gente vai querer se vangloriar. Sabemos que vai ser um grande jogo, que vai ser muito difícil passar do CSA, então vamos trabalhar para que a gente consiga fazer um grande jogo e sair vencedor”.

Anúncios
Guilherme de Andrade
Tenho 19 anos e curso jornalismo.
http://guilhermesport.wordpress.com

Deixe uma resposta