Ceará COPA DO NORDESTE Fortaleza

Ceará e Fortaleza quebram tabus históricos em tarde iluminada na Copa do Nordeste; confira

Fotos: Fausto Filho/Ceará SC

Dois clássicos regionais, dois duelos de Série A, dois tabus quebrados e duas grandes atuações

Na tarde deste sábado (03), no mesmo horário, Ceará e Fortaleza entraram em campo, contra dois rivais regionais. Curiosamente, tratavam-se de dois jogos onde nível Série A, já que as quatro equipes, serão (mais uma vez) os representantes do Nordeste, na elite do futebol nacional. Os dois confrontos tinham algo mais em comum: Os rivais cearenses enfrentavam seus fantasmas.

Fortaleza 2 x 1 Bahia

Na Arena Castelão, o Leão do Pici recebeu o Bahia, adversário na briga contra o Z-4 da Série A de 2020. O último jogo entre as duas equipes, foi pela rodada 37, onde o Esquadrão precisava vencer para escapar do descenso. Não só venceu, como passeou, aplicando um duro 0x4.

Menos de dois meses depois desse jogo, as equipes voltam a se enfrentar, em uma realidade distinta, com várias modificações nos elencos. Dessa vez, deu Leão. Com gols de Matheus Jussa e David, o Tricolor Cearense venceu por 2×1. Gilberto marcou para os baianos.

Além de assegurar sua classificação antecipada para o mata-mata e se isolar na liderança do grupo B, os comandados de Enderson Moreira quebraram um importante tabu: Foi a primeira vitória do Fortaleza no confronto, em jogos pela Copa do Nordeste. Ao todo, foram 12 jogos, com 8 vitórias do Bahia, 3 empates, tendo até uma goleada de 7×1 na conta. O primeiro duelo foi no Nordestão de 1998.

Anúncios

Sport 0 x 4 Ceará

Na Ilha do Retiro, o Sport recebeu o Ceará. O Rubro-Negro sempre trouxe problemas para o Vovô. Além de conquistar a Copa do Nordeste em 2014 sobre o time cearense, manteve uma invencibilidade de 28 anos em casa. A última vitória Alvinegra, em solo recifense, foi em abril de 1993, pela Copa do Brasil. Em 2020, pelo Brasileirão, mesmo em situação ruim, o clube pernambucano conquistou 4 pontos contra o time de Guto Ferreira.

Assim como no outro jogo da tarde, as equipes se encontravam diferentes, desde o último jogo, pelo Brasileirão 2020. Apesar do bom início dos pernambucanos, o resultado foi histórico. Além de vencer e quebrar uma marca de 28 anos, o Ceará goleou o rival por 4×0, aplicando o maior placar da história do confronto. Gabriel Dias, Cléber, Mendonza e Pedro Naressi marcaram.

Anúncios

Deixe uma resposta