COPA DO NORDESTE Entrevistas Fortaleza

Enderson Moreira avalia empate no Clássico-Rei: ”Se não deu para vencer, pelo menos não vamos perder.”

Foto: Reprodução/TV leão

Técnico do Fortaleza falou sobre o rendimento da sua equipe na partida e novos contratados que ainda não estrearam

Na tarde deste sábado (20), o Fortaleza disputou o primeiro Clássico-Rei da temporada 2021. O jogo pela Copa do Nordeste, ficou no 0x0, o que manteve o Leão do Pici na liderança do Grupo B, com 8 pontos, que agora passa a ser ameaçado pelo segundo colocado, Altos/PI, que venceu o adversário local, 4 de Julho, por 2×0 e chegou a 7 pontos.

Contestado pela torcida, o técnico do Tricolor, Enderson Moreira, participou de entrevista coletiva, após o apito final. Para muitos, uma derrota diante do Ceará, poderia pesar muito contra o comandante do Fortaleza. Abrindo a coletiva, Enderson fez uma análise do desempenho de sua equipe:

”A gente teve um domínio no primeiro tempo, com as melhores oportunidades. Acho que no segundo tempo o Ceará cresceu, na proposta que eles tem de jogo. Eles tiveram chances boas também, mesmo a gente tendo outras, de contra-ataque. A gente sabia que era um jogo bem complicado, principalmente no aspecto físico, porque a gente não teve nem como treinar esse grupo que entrou em campo. Eles só fizeram trabalho de recuperação. Mas eu acho que foi muito bom, nível de competitividade alto, uma equipe que lutou, que disputou o jogo, da melhor forma possível, se não deu para vencer, não vamos perder.”

Cobrado por não ter promovido estreia dos novos contratados, o técnico pediu a imprensa e aos torcedores, mais paciência, devido o desgaste físico e o período de adaptação. Sendo essa uma das maiores dúvidas de jornalistas e torcida, o tema voltou ao debate, mas de forma mais específica, Enderson citou alguns jogadores nominalmente:

”Não adianta vocês terem ansiedade. O jogador que é contratado, não quer dizer que você pode rapidamente, coloca-lo em jogo. O Isaque, só ficou 5 dias sem treinar. Um menino, é jovem, é mais tranquilo. O Pikachu tá vindo de um período inativo maior. Então a gente decidiu pra que ele pudesse pegar um pouco mais de ritmo. Pode ser que terça-feira ele já tenha uma condição melhor para participar do jogo. O Guedes ainda demanda um tempo ainda, pelo longo período inativo e a gente já sabia disso e os outros são jogadores machucados, que estão se recuperando, voltando a forma.”

O Fortaleza volta a campo na próxima terça-feira (23), também pela Copa do Nordeste. O Leão receberá o Santa Cruz, na Arena Castelão, às 21:30.

Deixe uma resposta