CAMPEONATO CEARENSE Entrevistas Fortaleza

Enderson Moreira celebra início de temporada invicto do Fortaleza e prega evolução a cada jogo: “Um passo de cada vez”

Foto: Reprodução/TV Leão

Treinador do Tricolor comentou sobre vários temas após a vitória de sua equipe sobre o Atlético-CE

Na tarde desta quarta-feira (10), o Fortaleza fez sua estreia no Campeonato Cearense 2021. Diante do Atlético-CE, no estádio Domingão, o Leão começou sua trajetória rumo ao tricampeonato estadual. Como resultado do confronto, vitória do Tricolor do Pici. Com gols de Robson e de David, o Fortaleza venceu a Águia da Precabura pelo placar de 0x2 e conquistou seus três primeiros pontos na competição. Além disso, com mais um triunfo, o Tricolor Cearense chegou à sua terceira vitória consecutiva, duas pela Copa do Nordeste e uma pelo Campeonato Cearense, e segue com 100% de aproveitamento na temporada de 2021. O Fortaleza, agora, volta a campo no sábado (13), para enfrentar, em confronto válido pela terceira rodada do Nordestão, a equipe do Treze na Arena Castelão.

Anúncios

Análise do professor

Em coletiva, Enderson Moreira fez sua análise da partida feita pelo Fortaleza nesta quarta-feira (10) no Domingão: “Foi boa, bem consistente. A gente está mais consistente em termos defensivos, o que facilita muito o trabalho da nossa defesa. Cedemos umas duas possibilidades ao adversário, chances boas, mas conseguimos filtrar e sairmos sem tomar gol, apesar de sofrer um pouquinho. Porém, mesmo com a dificuldade do campo, há muita coisa que a gente precisa qualificar. A gente dá um desconto, em termos do horário e do gramado, mas temos coisas que precisamos fazer melhor”, comentou o professor.

Um passo de cada vez

Enderson voltou a bater na tecla de que sua equipe necessita de melhoras em determinados aspectos, ressaltando, dessa vez, que é importante seguir evoluindo a cada jogo. O técnico falou: Tem muita coisa para poder melhorar. Cada dia após uma partida, a gente sai com muitas lições. No pós-jogo, sempre ressaltamos as coisas positivas e as que não saíram do jeito que a gente espera. Em termos gerais, eu gostei (da atuação), principalmente da questão competitiva. (…) Foi muito positivo a gente conquistar mais uma vitória. O time tem mostrado essa consistência, criando boas situações. É importante a gente avaliar isso com muito critério, sem se empolgar. Mas, também, não desacredito quando os resultados são ruins. Tenho muita consciência daquilo que está sendo feito, executado e plantado. Espero que a gente possa colher frutos futuros. O que nós estamos implantando agora é apenas um passo. Um passo de cada vez, com consistência, trabalho e sem empolgação. O mais importante é nos concentrarmos na próxima partida”, disse Enderson.

Anúncios

Sobre o elenco

Questionado sobre a formação do elenco do Fortaleza para a temporada de 2021, Enderson citou: “Precisamos qualificar muito o elenco. A gente tem trabalhado com isso, juntamente com toda a direção e com o presidente. A gente tem conversado em criar boas perspectivas e possibilidades. Estamos criando um grupo que a gente acredita, com uma mescla de jogadores experientes e mais jovens. Buscamos muito no mercado e dentro do próprio clube jogadores que tenham essa vivacidade e essa juventude, que são muito importantes para formar uma equipe bem equilibrada”, afirmou o comandante leonino.

Prioridade por competições

Perguntado se há alguma preferência ou prioridade por parte do Fortaleza em alguma das competições que disputa, Enderson Moreira foi bem claro: “Não temos prioridade por competições, todas são importantes. Não temos poupado jogadores, temos colocado jogadores que estão nas melhores condições físicas, técnicas e táticas. Dentro do modelo de jogo que estou desenvolvendo, é claro que mexemos mais na equipe, mas, neste começo é necessário. Daqui a pouco, a gente pode partir para um equipe base, mas isso vai demandar mais tempo para observarmos”, disse o treinador do Fortaleza.

Anúncios

Poupando jogadores?

Muito questionado, também, sobre o rodízio de atletas que está fazendo ou, então, sobre o porquê de jogadores X e Y não atuarem, Enderson Moreira esclareceu suas o porquê de suas escolhas: “Não é questão apenas de prevenção de lesão. Nós estamos recebendo jogadores que, muitas vezes, ficaram muitas vezes sem fazer jogo. A gente não pode dar sequência a esses jogadores. O Jussa e o Ederson não faziam um jogo há muito tempo; o Crispim ficou um tempo parado. A gente não tem pretenção de poupar jogadores. O que a gente tem feito é não por jogadores que não conseguiram a recuperação completa. Nós temos, dentro do nosso elenco, jogadores que não tiveram nem férias. A gente não teve nenhuma possibilidade de antecipar férias. Temos que ser muito inteligentes para poder colocar cada atleta, dar um momento para eles poderem se recuperar e, na sequência de jogos, não colocar atletas que não se recuperaram completamente”, finalizou Enderson Moreira.

Anúncios

Deixe uma resposta