Categorias de Base Fortaleza

Inspiração em Osvaldo e Clodoaldo: conheça a história de Wendel, destaque da base do Fortaleza

(Foto: Arquivo Pessoal)

O garoto de 17 anos foi o melhor jogador da Copa Seromo, principal competição da modalidade

Em todo o Brasil muitos jovens sonham em um dia ser jogador de futebol. Para isso, as dificuldades encontradas são as mais diversas. Em alguns casos, a desistência ocorre, porém, em outros, a persistência segue. Esse é o caso do garoto Wendel, de 17 anos, destaque das categorias de base do Fortaleza Esporte Clube e melhor jogador da Copa Seromo, principal competição da modalidade.

Em entrevista exclusiva para o Portal Futebol Cearense, Wendel lembrou seu começo de trajetória: “Tudo começou em um projeto social da minha cidade natal, Tianguá, quando eu tinha apenas 10 anos. Se chamava ‘Projeto Atletas do Futuro’. De lá, saiu, além de mim, o Anderson Ceará, que atualmente está no Santos, que foi justamente o que me serviu de incentivo. Foi então que em 2018 eu vim para o Fortaleza, quando fui aprovado na peneira para o sub-15. No começo foi difícil, mas eu encerrei como Campeão Cearense daquele ano.”

Anúncios

Wendel foi eleito melhor jogador da Copa Seromo. O garoto falou sobre a sensação desse feito e do título em si: “Antes da Copa Seromo, nós já havíamos sido campeões do estadual diante do Floresta, onde eu marquei um gol na final. Ganhar a Copa foi a cereja do bolo, pois novamente íamos enfrentar o Ceará, e dessa vez na final. Ser campeão é bom, imaginar só vencer o rival na final. Ser escolhido o melhor jogador foi bom. Sinal que nosso trabalho e dedicação estão dando resultados efetivos em campo.”

Ao final, Wendel comentou sobre como é jogar no Fortaleza e revelou inspiração em craques do tricolor: “O Fortaleza é gigante. Estou num clube de uma história bonita que passaram muitos craques. Vejo gols do Clodoaldo, ele era incrível. Além disso, gosto muito de olhar o Osvaldo, ele tem dribles rápidos, é um jogador que saiu da base e serve de exemplo para a gente. Em janeiro, quando teve o surto de Covid-19 no elenco, eu treinei junto aos profissionais e ele (Osvaldo) me deu uma chuteira, foi uma alegria muito grande.”

Anúncios
Anúncios

Deixe uma resposta