CAMPEONATO CEARENSE Ferroviário

Campeonato Cearense 2021: Ferroviário se consolida como grande força e almeja disputa pelo título

(Foto: Lenilson Santos)

Contendo um novo grupo de jogadores, o Ferroviário já demonstra sua força contra concorrentes diretos do Cearense na Taça Fares Lopes 2020.

Com um elenco montado e já testado após conquistar uma vaga na final da Taça Fares Lopes 2020, o Ferroviário inicia o Campeonato Cearense querendo se consolidar como grande força local e disputar o título. A primeira partida que o clube jogará no campeonato, válida pela terceira rodada, acontecerá somente no próximo dia 17, contra o Pacajus no João Ronaldo, às 15:30.

Tendo 87 anos de história, o Tubarão da Barra é o terceiro maior campeão estadual, somente atrás de Ceará e Fortaleza, com nove títulos: 1945, 1950, 1952, 1968, 1970, 1979, 1988, 1994 e 1995. Mais recentemente, em 2014, o clube caiu para a segunda divisão do Campeonato Cearense, porém, se reergueu voltando para a primeira divisão e conseguiu manter bons anos consecutivos. 

Nesse período, destaca-se um vice-campeonato estadual (2017); participação na Copa do Nordeste (2018); boa campanha na Copa do Brasil, chegando na quarta fase (2018); título do Campeonato Brasileiro da Série D (2018) e duas permanências seguidas na série C (2019 e 2020).

ÚLTIMAS PARTICIPAÇÕES NO CAMPEONATO CEARENSE

2017

Classificado para o mata-mata depois de conquistar a sexta colocação e a classificação na primeira fase, o Ferroviário conseguiu passar, em dois confrontos, do Horizonte nas quartas-de-finais e avançou contra o Fortaleza nas semifinais, também em duas partidas. Nas finais, enfrentou o Ceará e acabou perdendo os dois jogos, mas não manchou uma boa campanha de superação.

2018

Em um formato diferente, com mais uma fase antes do mata-mata, o Ferrão terminou a primeira etapa em quarto colocado, classificando o clube para o estágio seguinte. A segunda fase não terminou tão bem para o Ferroviário, que acabou lamentando a última colocação e a não classificação para as partidas eliminatórias. 

2019

Com outra mudança de regulamento, manteve-se as duas fases por pontos corridos, mas a primeira não contaria com a participação de Ceará e Fortaleza. Nesse modelo, o Ferroviário termina em terceiro e acaba avançando para a próxima etapa. Novamente na segunda fase, a equipe acabou caindo de produção e foi eliminada na sexta colocação.

2020

O Tubarão da Barra terminou a primeira fase do Campeonato Cearense 2020, que seguia o regulamento do ano anterior, em terceiro. Na segunda fase, quando terminou em terceiro mais uma vez, se classificou para o mata-mata, após dois anos seguidos sem disputá-lo. Na semifinal acabou enfrentando o Ceará em jogo único. Perdeu por 1 a 0 e acabou sendo eliminado.

ELENCO

Após a permanência na Série C do Campeonato Brasileiro, a diretoria coral optou por uma reformulação na comissão técnica e no elenco. O técnico Marcelo Villar saiu e deu lugar ao Francisco Diá, treinador com passagens por ABC, Campinense e Sampaio Corrêa. Já no grupo de jogadores, há uma mescla entre os atletas remanescentes e novas contratações, como por exemplo o goleiro Jonathan (Ex-Manaus), o atacante Adilson Bahia (Ex-Portuguesa) e o meio-campista Berguinho (Ex-ABC).

  • GOLEIROS: Jonathan – Genivaldo – Serjão
  • LATERAIS: Madson – Roni – Caíque Basílio – Emerson – Marquinho Carioca
  • ZAGUEIROS: Vitão – Túlio – Diney – Richardson – Yuri
  • VOLANTES: Felipe Macena – Índio – Linnick – Sousa Tibiri – Wesley Dias
  • MEIAS: Reinaldo – André Mensalão – Diego Viana – Berguinho
  • ATACANTES: Luís Henrique – Gabriel Bittar – Caxito – Adilson Bahia – Cesinha

Deixe uma resposta