BRASILEIRÃO CAMPEONATO BRASILEIRO Ceará Série A

“Jogo totalmente atípico”, analisa Guto sobre derrota do Ceará para o Corinthians

(Foto: Reprodução/Vozão TV)

Alvinegro acabou sofrendo revés de virada

O Ceará até lutou, mas acabou derrotado por 2 a 1 para o Corinthians (SP) em duelo válido pela 34ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro, realizado nesta quarta-feira, 3. O técnico Guto Ferreira disse que o desempenho do Vovô esteve aquém do esperado para a partida diante da equipe paulista.

“Foi um jogo totalmente atípico. Nós até que começamos o jogo relativamente bem, conseguimos abrir o marcador. Um jogo com muita disputa, nossa equipe tentando se adaptar a um gramado que é diferente, muito rápido, escorregadio, e nós sustentamos pouco a vantagem. Acabou acontecendo aquele acidente em que foi marcado o pênalti e a nossa equipe sentiu muito aquele gol. Logo na sequência, tomamos o segundo e tivemos um primeiro tempo com uma certa dificuldade, errando muito”, disse o profissional na coletiva após o duelo.

O vovô saiu na frente no marcador com Fabinho, após cobrança de escanteio de Vina. Entretanto, minutos depois o adversário empatou de pênalti, com Fábio Santos, e depois virou com Léo Natel ainda na primeira etapa.

“No segundo tempo nós conseguimos encaixar um pouquinho mais o jogo, mas não foi suficiente pra furar a defesa. O Corinthians baixou bastante a linha para poder sustentar o placar que estava favorável a eles. Nós tivemos bastante dificuldade, tínhamos que ter batido mais de fora, mas não fizemos. Enfim, acho que a equipe teve a posse, mas não teve as penetrações, pela postura do Corinthians, é isso acabou resultando nessa derrota”, afirmou o treinador.

Guto Ferreira ainda comentou as ausências de Tiago Pagnussat e Bruno Pacheco e falou que isso prejudicou a estratégia do Alvinegro. “A maturidade que eles tem junto com a equipe e talvez um pouco mais na qualidade de saída de bola. (….) Nossa equipe estava um pouco lenta na saída de bola, até por causa do entrosamento dos jogadores atrás. Acho que isso atrapalhou nossa equipe, a medida que o jogo não sai na velocidade ideal, toda estrutura de jogo fica comprometida”, analisou o técnico.

O Ceará volta a campo na próxima quarta-feira, 10, quando enfrenta o tricolor paulista no estádio Morumbi, a partir das 21 horas horas. “A expectativa é de recuperar os jogadores que estão fora por lesão. Procurar reunir o melhor grupo possível e armar uma estratégia para que possamos surpreender o São Paulo”, finalizou Guto Ferreira.

Veja a coletiva completa

Israel
Jornalista

Deixe uma resposta