Brasileirão de Aspirantes: Fora de casa, Ceará enfrenta Vila Nova pelo primeiro jogo da decisão

Foto: Pedro Chaves

O Alvinegro de Porangabussu já fez história ao ser o primeiro nordestino a chegar a final, e luta por mais

Neste domingo (24), às 16 horas, tem o primeiro jogo da grande final do Campeonato Brasileiro de Aspirantes. No estádio Onésio Brasileiro de Alvarenga (OBA), Vila Nova e Ceará dão início a decisão do torneio. Para chegar a esta fase, o Colorado superou o Fluminense, nas semifinais. O Alvinegro, por sua vez, eliminou o Juventude com duas vitórias.

Vila Nova

O time goiano caiu no grupo A da competição e avançou de fase na quarta posição, com 15 pontos. Foram 4 vitórias, 3 empates e apenas uma derrota, em 8 jogos. Na segunda fase, o Colorado caiu no grupo C, justamente com o Ceará e com Grêmio e Avaí. O Tigre passou como vice líder, com 10 pontos conquistados, em 3 vitórias, 1 empate e duas derrotas. Contra o Vovô, em turno e returno, melhor para os mandantes.

Anúncios

Já na semifinal, como citado antes, o Fluminense foi a vitima. Depois de perder por um gol de saldo, o time do técnico Hugo Magalhães reverteu a derrota e venceu por 2×0, assegurando a vaga na final.

Como nome principal, o clube conta com João Pedro, camisa 10, artilheiro da equipe no torneio, com 6 gols marcados até aqui.

Ceará

Com grande campanha desde o início, os garotos do Vovô chegam a final do torneio. Na primeira fase, também no grupo A, o Alvinegro passou como líder, com 19 pontos, sendo 6 vitórias, 1 empate e 1 derrota. Na fase 2, no mesmo grupo do Vila, mais uma vez classificou-se como líder. Dessa vez, com 4 vitórias e 2 derrotas. Na semifinal, como já mencionado, o time cearense eliminou, de forma tranquila, o Juventude.

A maior referência desse time, é Wesley, que jogou parte da Série C do Brasileirão, pelo Ferroviário. Depois de uma saída conturbada do Tubarão, o atacante chegou ao sub-23 Alvinegro e hoje é o artilheiro da equipe, com 5 gols.

Final Histórica

O título não se refere ao confronto, mas ao feito das duas equipes, individualmente. Trata-se de duas equipes pioneiras em suas regiões em chegar a esta fase. Teremos portanto, um campeão inédito.

Provável Escalação

Vila Nova: Cleriston, Nikolas, Luiz Amaral, Danrlei, Eder Monteiro, Milioransa, Matheus, Edson, João Pedro e Caíque; Técnico: Hugo Magalhães

Ceará: André Luiz, Buiú, Alan, Gabriel Lacerda, Jadson, Nailton, Pedrinho, Cristiano, Rafael Cavaleira e Wesley; Técnico: Fábio Caponi

Arbitragem

Principal: Osimar Moreira da Silva Junior (GO)

Assistentes: Paulo Cesar Ferreira de Almeida (GO), Tiego Henrique dos Santos Braga (GO)

Quarto Árbitro: Júlio César Mota Fernandes (GO)

Anúncios

Deixe uma resposta