CAMPEONATO BRASILEIRO Floresta Série C Série D

Sonhando com título da Série D, Floresta decide vaga na final contra Novorizontino fora de casa

Foto: Ronaldo Oliveira

O time cearense precisa apenas de uma vitória simples para chegar a decisão do torneio nacional

Neste sábado (23), às 18 horas, no estádio Jorge Ismael de Biasi, em Novo Horizonte-SP, ocorrerá a decisão do primeiro finalista do Campeonato Brasileiro Série D 2020. Novorizontino e Floresta lutarão pelo direito de fazer a primeira final na competição, de suas respectivas histórias. No duelo de ida, empate em 1×1, na Arena Castelão. Cléo Silva marcou para o Tigre do Vale e empatou para o Lobo da Vila.

Para se Classificar

Como nos jogos anteriores de mata-mata nesta competição não há o critério de gol qualificado, quem vencer estará na final. Em caso de empate por qualquer placar, a decisão será nas penalidades.

Anúncios

Floresta

O Lobo da Vila Manuel Sátiro chega com invencibilidade de 8 jogos, sendo sete deles em mata-mata e o último jogo da primeira fase do torneio. Para o duelo contra o Novorizontino, Leston Júnior poupou o grupo principal na semana e mandou elenco sub-20 para enfrentar o Icasa pela Taça Fares Lopes, na última quinta-feira, em Barbalha. Portanto, o Verdão deverá ir à campo com força máxima.

Novorizontino

O Aurinegro ainda não perdeu jogando no Jorjão. São 10 jogos, 8 vitórias e 2 empates, tendo sofrido apenas um gol. Ao todo, são 21 jogos, com 13 vitórias, 5 empates e 2 derrotas. É a melhor defesa da competição.

Para o jogo, Roberto Fonseca teve duas baixas: a do volante Barba (suspenso) e do goleiro reserva Oliveira, de 39 anos. O atleta encerrou sua passagem pelo clube, depois de quatro temporadas e conquistar o acesso para a Série C.

Provável Escalação

Novorizontino: Giovanni, Felipe Rodrigues, Adriano, Edson Silva, Willean Lepo, Paulinho, Cléo Silva, Léo Baiano, Guilherme Queiroz, Pereira e Danielzinho; Técnico: Roberto Fonseca

Floresta: Douglas Dias, Lito, William Goiano, Alisson, Jô, Fábio Alves, Thalisson, Marconi, Flávio Torres, Núbio Flávio (Luis Soares) e Deysinho; Técnico: Leston Júnior

Arbitragem

Árbitro de Campo: Paulo Henrique de Melo Salmazio (MS)

Assistentes: Eduardo Gonçalves da Cruz (MS) e Leandro dos Santos Ruberdo (MS)

Quarto Árbitro: Thiago Lourenço de Mattos (SP)

Anúncios

Deixe uma resposta