Basquete Cearense Fortaleza

“O segundo turno é muito mais difícil” afirma Alberto Bial sobre o restante de temporada do Fortaleza BC

Foto: Divulgação/Fortaleza BC

Treinador concedeu entrevista durante o treino da equipe nesta sexta-feira (22)

Nesta sexta-feira (22), o treinador Alberto Bial, do Fortaleza Basquete Cearense, concedeu entrevista sonora à imprensa. O comandante tricolor falou sobre o trabalho feito até o momento pelo time cearense e acerca do restante de temporada da equipe, que reiniciará na próxima terça-feira (26), diante do Flamengo.

Anúncios

Manutenção e ajustes no time

Acerca dos ajustes na equipe para esse restante de temporada, Bial falou:

Nesse planejamento que engloba o turno e o returno, a gente, nesse princípio de segundo turno, é preciso executar e deixar fluir o que aconteceu de melhor para nós. E buscar coisas que fizeram muita falta para nós, como preparo físico, melhor sincronia de movimentos no ataque e uma defesa melhor quando for marcar por zona. Os detalhes, as minúcias do jogo de basquetebol que estão no planejamento, mas tudo de uma forma onde só o essencial é importante para nós.

Segundo turno do NBB

Sobre o segundo turno do NBB 2020/21 que está por vir, o técnico do Carcará respondeu:

Eu, que já jogo o NBB desde o seu início, entendo e já senti isso na pele como o segundo turno é muito mais difícil. Todas as equipes já estão mais entrosadas, todas as equipes já têm suas metas, seus objetivos, os jogos se tornam muito mais difíceis para todos. Então, o que a gente espera do segundo turno são os jogos com muita dificuldade, e onde a gente tem que executar tudo aquilo que temos de melhor.

A Copa Super 8

O Fortaleza BC disputou a Copa Super 8 pela primeira vez no último sábado (16), quando perderam por 69 a 61 para o Bauru. Diante disso, Bial falou sobre a importância em ter participado do torneio:

O Super 8 foi um super aditivo para a nossa equipe. Participar dessa competição, estar entre os oito melhores do Brasil, inspira e dá a nós aquela sensação de maior respeito vindo dos adversários, da torcida e da comunidade do basquete. E isso faz com que vejamos tanto o Flamengo quanto o Pato (dois próximos adversários do time) como dois adversários, com estudos um pouco diferentes, mas dentro da mesma dificuldade, e a gente está preparados para enfrentá-los.

Anúncios

Deixe uma resposta