Fortaleza

Em live, presidente Marcelo Paz esclarece dúvidas dos torcedores do Fortaleza; veja os principais pontos

(Foto: reprodução/TV Leão)

Presidente Marcelo Paz respondeu perguntas dos torcedores

Questões financeiras

Em meio ao momento complicado do Fortaleza na temporada, o presidente Marcelo Paz resolveu fazer uma live no canal oficial do clube no YouTube, para esclarecer algumas dúvidas do torcedor. De cara, o comandante resolveu sanar as dúvidas quanto ao possível atraso de salários, que segundo ele, não existe:

Anúncios

“O clube perdeu R$ 25 milhões de reais, perdeu 42% dos sócios, qualquer instituição que perde isso entra em dificuldade. Nós compactuamos tudo com os jogadores, e o que foi pactuado está sendo cumprido. O problema não é salário atrasado, não tem nada disso”.

Ainda nessa questão financeira, Marcelo Paz fez questão de ressaltar que o clube não está se endividando. Além disso, o presidente destacou que, com o maior orçamento da história do clube, eles conquistaram também o maior resultado esportivo já visto no Leão do Pici:

“O clube não está se endividando. Nós tivemos o maior orçamento do clube, e nós tivemos o maior resultado esportivo da história do clube. É importante fazer esse link”.

Treinadores procurados

Marcelo Paz afirmou que, antes da chegada de Marcelo Chamusca, o clube procurou outros nomes para tomar de conta do cargo de treinador, mas que em todos os casos acabaram ouvindo um “não” dos profissionais:

“Procuramos sim. Procuramos o Roger Machado, Tiago Nunes, Dorival júnior. Agora eu posso falar. Tentamos sim esses treinadores, e eles não quiseram vir”.

Informações estratégicas

Marcelo Paz sempre prega por transparência no Fortaleza. Entretanto, o diretor ressaltou que em alguns casos, informações estratégicas não podem e não devem ser reveladas naquele momento, pelo bem do clube:

“O torcedor precisa entender que a gente vai no limite da transparência, mas tem informações que são estratégicas, que não podem e nem devem ser reveladas em determinado momento. Depois a gente até fala, como estou falando agora. Mas tem hora que a gente tem que dá uma segurada pelo bem do clube”.

Gestão do clube

Após a saída de Rogério Ceni, o Fortaleza passou a encontrar dificuldades no Campeonato Brasileiro. Diante disso, a desconfiança do torcedor com a diretoria do clube foi aumentando. Com isso, Marcelo Paz rebateu algumas criticas feitas a gestão do clube, após a saída do ex-técnico:

“Querer atribuir ao Ceni a gestão do clube, é irresponsabilidade ou maldade. Acho que quando se fala isso, é uma fala que atinge a todas as pessoas que fazem o clube hoje. Todo mundo sabe do bem que ele fez ao Fortaleza, mas o Fortaleza fez muito bem a ele também. Como treinador, ele só foi campeão aqui, é importante lembrar isso também”.

Anúncios

Elenco fraco?

Com os recentes resultados ruins do Fortaleza, alguns torcedores passaram a criticar a qualidade do elenco leonino. Marcelo Paz discorda das críticas, e ressalta que esse mesmo grupo de jogadores entregou o maior resultado esportivo da história do clube em 2019:

“O elenco não pode ser fraco, quando ele é o mesmo elenco que em 2019 deu o maior resultado esportivo da história do clube. Não dá para dizer que o elenco é fraco, não é o que o meio do futebol diz. O que eu mais ouvi nas últimas semanas, com pessoas do futebol, foi o seguinte: ‘O time de vocês não era para estar nessa posição, o time de vocês era para estar com uma pontuação melhor’. Agora a nossa pontuação está baixa, eu concordo. Mas os dados e os fatos mostram que não é um elenco fraco”.

Dinheiro de Everton Cebolinha e Ronald

Marcelo Paz esclareceu que o dinheiro recebido pelo clube na venda de Everton Cebolinha para o Benfica, foi utilizado para quitar débitos e pagar salários. Ainda na mesma questão, mas dessa vez sobre o volante Ronald, o presidente revelou que o clube tem até fevereiro para efetuar a compra em definitivo do atleta, e que estão negociando com o jogador e o empresário para isso:

“O dinheiro do Cebolinha salvou o Fortaleza. Se não fosse o dinheiro dele, o Fortaleza estaria com salário atrasado, foi uma benção. O dinheiro foi usado para quitar débitos, pagar salário e trazer o clube até aqui, com uma realidade boa, comparada a diversos outros clubes. Nós temos até o final de fevereiro para efetuar a compra de Ronald. Isso foi previsto em contrato. Está sendo conversado com o empresário do jogador, com o Juventos/SC, para a gente efetuar a renovação de contrato. O dinheiro está esperando para executar”.

Anúncios
Guilherme de Andrade
Tenho 19 anos e curso jornalismo.
http://guilhermesport.wordpress.com

Deixe uma resposta