Fortaleza

Habilidoso com os pés, Felipe Alves comenta sobre o assunto: ‘Gosto muito mais de participar do jogo’

(Foto: Bruno Oliveira/Fortaleza EC)

Felipe Alves concedeu entrevista coletiva nessa quarta-feira, 13

Jogo com os pés

O goleiro Felipe Alves, do Fortaleza, é reconhecido, principalmente, pelo ótimo jogo com os pés. Diante disso, o arqueiro tricolor comentou sobre o assunto, em entrevista coletiva realizada nessa quarta-feira, 13, e revelou gostar de participar mais do jogo (com os pés):

Anúncios

“O goleiro hoje em dia, dentro desse futebol moderno, ele está apto a fazer qualquer tipo de função, seja ela mais agressiva, seja ela um pouco mais segura, com relação a mais bolas longas. Então o que a gente procura fazer é atender o mais rápido possível a ideia do treinador, e a maneira como ele gosta de jogar. Eu gosto muito mais de participar do jogo, de ser essa referência, de ter um homem a mais, para poder se sobressair diante do adversário”.

Momento difícil

O Fortaleza passa pelo momento mais difícil dos últimos três anos. No Campeonato Brasileiro o Tricolor do Pici não vence há um bom tempo. Diante disso, Felipe Alves revela que a fase tem incomodado o elenco, e diz que só depende deles (atletas) para reverter a situação:

“Faz algumas rodadas que a gente não pontua, não consegue os três pontos que almejamos. Mas dentro do futebol a fase boa passa, como a fase ruim também passa. A gente elevou o patamar do clube pelo futebol que apresentamos nos últimos três anos, e hoje estamos sendo cobrados por aquilo que demonstramos durante esse tempo todo. Então só depende da gente mesmo reverter essa situação que nos incomoda bastante”.

Anúncios

Continuar lutando

Para superar a má fase, Felipe Alves diz que o time precisa continuar se dedicando durante a semana de treinos, além de recuperar a confiança, que segundo ele, acontecerá naturalmente:

“Tem que voltar essa confiança, né, de fazer os gols, de conseguir a primeira vitória, para que a gente resgate essa nossa confiança. Isso vai acontecer naturalmente. Fizemos um grande jogo contra o Grêmio, tivemos oportunidade da vitória, mas foi um jogo muito disputado. Continuar batendo nessa tecla, lutando até o fim, se dedicando, se entregando, trabalhando bastante durante a semana, procurando evoluir dentro do que o Enderson vem pedindo para a gente agora”.

Anúncios
Guilherme de Andrade
Tenho 19 anos e curso jornalismo.
http://guilhermesport.wordpress.com

Deixe uma resposta