Conselho do Ceará aprova receita de R$ 151 milhões e planeja ganho de R$ 25 milhões com venda de atletas; confira valores detalhados

Foto: Divulgação/cearasc.com

Na noite da última segunda-feira (28), o Conselho Deliberativo do Ceará aprovou o projeto orçamentário para 2021, apresentado pelo Vice-Presidente do clube, Raimundo Pinheiro, e o Diretor Financeiro, João Paulo.

A receita total do Alvinegro de Porangabuçu para o ano de 2021 será de R$ 151.977.367,50 milhões. Já a despesa do Vovô está alçada em R$ 140.918.101,88 milhões. As deduções de receitas em R$ 10.655.526,93 milhões.

Anúncios

O maior ganho do Ceará em 2021 será com direitos de transmissão. De acordo com a proposta orçamentária, o Alvinegro de Porangabuçu terá uma receita de R$ 72.673.167,50 milhões.

Além disso, o Vovô vislumbra o retorno do público nos estádios para o ano que vem. Desta maneira, o Ceará espera um ganho de R$ 10.545.000,00 milhões, com a presença do torcedor na Arena Castelão.

Com a crescente exposição da marca Vozão e, consequentemente, do Ceará na mídia local e nacional, a diretoria alvinegra espera um ganho de R$ 22.206.000,00 milhões em patrocínios e marketing.

Anúncios

Tendo fechado o ano com 22.063 sócios ativos (até o fechamento desta matéria), de acordo com o site oficial do Sócio Vozão, o Ceará espera arrecadar R$ 9.075.000,00 milhões com o programa de sócio-torcedor.

C o título da Copa do Nordeste 2020, boa campanha na Copa do Brasil, além do bom desempenho no Campeonato Brasileiro Série A, o Ceará espera arrecadar R$ 25.690.000,00 milhões com venda de atletas.

Vale ressaltar que para essa temporada o Ceará adquiriu direitos econômicos de alguns atletas: Charles, Bruno Pacheco e Marthã, por exemplo.

Confira outras receitas que foram detalhadas no projeto orçamentário:

Premiações & participações: R$ 8.600.000,00 milhões
Receitas patrimonicias/sociais: R$ 504.00,00 mil
Demais receitas: R$ 2.674.000,00 milhões
Outras receitas: R$ 10.200,00 mil
Receitas financeiras: R$ 10.200,00 mil

Vale ressaltar que dentro de algumas categorias citadas no projeto orçamentário de 2021, o Ceará conta com a participação na Sul-Americana.

Anúncios

Siga o Portal Futebol Cearense no TwitterFacebook Instagram

Deixe uma resposta