CAMPEONATO BRASILEIRO FC MEMÓRIA Fortaleza

Há um ano, Fortaleza vencia Goiás e conquistava inédita classificação à Copa Sul-Americana

Foto: Luan Erick/Fortaleza EC

Leão conquistou grande resultado no estádio Serra Dourada e fez história ao cravar a vaga para a competição internacional

Nesta terça-feira (1), o Fortaleza e sua torcida têm uma grande lembrança para celebrarem: há um ano, no dia 1º de dezembro de 2019, o Leão conquistava, ao vencer o Goiás fora de casa pelo placar de 2×1, a inédita classificação para a Copa Sul-Americana 2020. O momento foi, possivelmente, o mais marcante dos 102 anos de vida do Tricolor de Aço que não envolvam a conquista de um troféu. Foi, também, o momento “auge” do Fortaleza após sua ascensão meteórica do Campeonato Brasileiro Série C, em 2017, ao Campeonato Brasileiro Série A, em 2019.

Anúncios

O jogo

Goiás e Fortaleza enfrentaram-se em uma tarde de domingo, dia 1 de dezembro de 2019, no estádio do Serra Dourada, em Goiânia, em confronto válido pela 36ª rodada do Campeonato Brasileiro Série A desse ano. Vindo de uma fantástica vitória contra o Santos, na Arena Castelão, pelo placar de 2×1 e que confirmou sua permanência na primeira divisão, o Leão havia engatado uma ótima sequência invicta (que durou até a última rodada) desde o triunfo conquistado no segundo Clássico-Rei da competição e foi embalado para jogar contra o clube esmeraldino. Aos 15 minutos da primeira etapa, Bruno Melo, conhecido por fazer gols nos momentos mais decisivos, abriu o placar para o Tricolor de Aço. Dez minutos mais tarde, foi a vez de Osvaldo balançar as redes para o Fortaleza. O atacante acertou um lindo chute e ampliou a vantagem cearense. O Goiás chegou a diminuir o placar com Rafael Moura, mas parou em Felipe Alves e não conseguiu tirar a histórica vitória do Leão, que, naquele momento, firmava-se na zona de classificação à competição continental.

A Sul-Americana

Essa foi a primeira vez que o Fortaleza conseguiu a classificação para a Copa Sul-Americana (ou qualquer outra competição internacional) em todos os seus 102 anos de história. Após ser sorteado para enfrentar o Independiente, gigante argentino, sua participação marcaria a primeira vez em que um clube cearense disputaria um jogo oficial fora do país (o Ceará já havia disputado a Copa Conmebol e a Copa Sul-Americana uma vez cada, mas enfrentou, respectivamente, Corinthians, em 1995, e São Paulo, em 2011, pelos quais foi eliminado, não saindo do Brasil). O Leão desperdiçou várias grandes chances e foi derrotado por 1×0 na Argentina. Já na Arena Castelão, após festa da torcida e após abrir 2×0, com gols de Juninho e Marlon, o Tricolor de Aço levou um gol chorado aos 48 do segundo tempo e perdeu a classificação para a segunda fase do torneio internacional de forma melancólica.

Anúncios

Deixe uma resposta