Ceará OPINIÃO

Além dos milhões: temporada de Cléber é acima da expectativa e pouco valorizada

Foto: Fausto Filho/cearaSC.com

Centroavante é a revelação alvinegra na temporada

Na vitória contra o Vasco, o centroavante Cléber marcou seu sétimo gol com a camisa do Ceará. Artilheiro do Campeonato Cearense pelo Barbalha, o atleta foi peça primordial no título invicto da Copa do Nordeste ao marcar dois gols nos dois jogos das finais contra o Bahia.

Anúncios

Na Série A, com um ótimo início com gols contra Sport, Grêmio e Bahia, por exemplo, o jovem oscilou e recebeu críticas da torcida. Depois, ainda marcou contra o Botafogo.

Com a má fase, saiu da condição de inquestionável no comando de ataque para dúvida quanto à capacidade de atuar em uma primeira divisão.

Com o poderio financeiro reduzido devido à pandemia, Cléber, que viria para a equipe de aspirantes, virou opção para Guto Ferreira.

Anúncios

Sob desconfiança, o grandalhão superou as expectativas e entregou mais do que o esperado ao Ceará logo em seus primeiros meses em alto nível já que não teve categorias de base adequada e nunca teve uma grande sequência em nenhum clube.

Por exemplo, a joia alvinegra, Arthur Cabral, marcou sete gols quando disputou a Série A pelo Vovô em 2018 mesmo com mais minutos em campo.

Com algumas deficiências técnicas, Cléber é obediente taticamente e entrega o que Guto Ferreira pede como pressão na saída de bola adversária, movimentação para abrir espaços na defesa e o tradicional pivô.

Com uma pré-temporada completa e fortalecimento muscular, o baiano pode e deve ser ainda mais importante, constante e efetivo para o Ceará.

Anúncios

Deixe uma resposta