Ceará Entrevistas

Kelvyn ressalta importância do seu primeiro gol pelo Ceará: “imaginava mil formas de como poderia ser”

Foto: Reprodução/Vozão TV

Jovem atleta do Vozão celebrou seu primeiro gol como profissional e comentou sobre seus sentimentos ao iniciar uma partida como titular no Brasileiro

Na tarde dessa segunda-feira (16), o jovem atleta Kelvyn, do Ceará, concedeu entrevista coletiva diretamente do CT do Alvinegro de Porangabuçu. No último sábado (14), na partida do Vozão contra a equipe do Grêmio, disputada no Rio Grande do Sul e válida pela 20ª rodada do Campeonato Brasileiro Série A 2020, o garoto da base do time cearense estreou como titular no torneio e, apesar da derrota por 4×2 para o clube gaúcho, tem motivos para comemorar e para lembrar eternamente do duelo, pois marcou seu primeiro gol em sua carreira profissional. E foi com a camisa do Vovô.

Anúncios

Da base para o profissional

Após realizar sua estreia como titular no Campeonato Brasileiro Série A, Kelvyn iniciou sua entrevista coletiva comentando sobre o caminho que percorreu até integrar o elenco principal do Vozão: “Eu cheguei no Ceará em maio do ano passado, quando pude me juntar ao sub-20. Graças a Deus, fui campeão cearense Sub-20, onde fizemos uma boa campanha. Depois, disputei, também, a Copa do Nordeste Sub-20, onde fui vice-campeão. No início desse ano, me juntei ao elenco profissional, que é o sonho de cada jogador da base. Isso é muito especial para mim, poder estar realizando esse sonho de criança. Graças a Deus, estou podendo ajudar a equipe, entrando em alguns jogos. Isso é muito importante para mim e muito gratificante”, afirmou o garoto.

A emoção do primeiro gol

Contra o Grêmio, o promissor atleta balançou as redes como profissional pela primeira vez. Ao ser perguntando sobre a emoção que sentiu ao marcar seu primeiro gol, Kelvyn declarou: “É um gol muito importante para mim. Estava ansioso para fazer o meu primeiro como profissional, imaginava mil formas de como poderia ser. Mas, graças a Deus, aconteceu no último jogo. Obviamente, não era o resultado que eu esperava. Acredito que ninguém esperava. Eu não gosto de perder, a equipe não gosta de perder. Eu procuro sempre ajudar minha equipe, independente de ser com gol ou com assistência. Infelizmente, não alcançamos o objetivo de sairmos vitoriosos da partida, mas estou feliz com meu gol e vou sempre procurar fazer mais gols quando receber a oportunidade, para poder ajudar minha equipe da melhor forma possível”, disse o jovem, demonstrando bastante personalidade.

Anúncios

Confiança do professor

Questionado sobre a confiança do técnico Guto Ferreira em seu trabalho, Kelvyn comentou: “Eu procuro sempre trabalhar forte no meu dia a dia, da melhor forma possível, para poder sempre estar à disposição do Guto. Neste jogo contra o Grêmio, ele confiou muito em mim, me deu muita moral. Me deu dicas de como marcar, de como atacar, e isso me ajudou muito durante a partida. Graças a Deus, eu fui feliz em fazer o gol. É uma competição de nível nacional, muito difícil. O nível é muito alto. Então, temos que minimizar muitos erros para podermos fazer excelentes partidas”, disse o jogador.

Anúncios

“Coringa” do Vozão?

O atleta já foi utilizado em diversas posições, sendo elas lateral-esquerdo, volante e ponta-esquerda. Perguntado sobre sua posição de origem e, também, sobre sua posição atualmente preferida, Kelvyn afirmou: “A minha posição de origem é volante, mas não tenho uma posição que me agrada. A posição que o professor Guto me colocar, vou sempre tentar dar o meu máximo, sempre fazer e procurar o melhor para a equipe, ajudar meus companheiros e dar tudo de mim. Independente da posição, eu sempre vou procurar fazer o melhor para todos nós”.

Próximo confronto

O próximo duelo da equipe alvinegra acontece nesta quarta-feira (18), contra o Palmeiras, em partida válida pelo jogo de volta das quartas de final da Copa do Brasil. Após ser derrotado por 3×0 no primeiro jogo, o Ceará tem uma difícil missão contra o time alviverde. Kelvyn projetou o confronto e demonstrou confiança: “Sim, é possível (avançar de fase). Acredito que é possível, que é o pensamento de todos, também. Temos que escutar o que o Guto tem a dizer. O que ele vai usar em campo, como que ele vai treinar a equipe, porque até sábado passado, o foco era o Grêmio. Agora, já muda completamente, pois estamos atrás do placar. Temos que ter paciência acima de tudo. Entrar concentrado, ligado. Errar o menos possível, procurar ser mais efetivo. Possivelmente, pensando em cada passo e aproveitando cada oportunidade que tivermos em campo. É procurar fazer um gol de cada vez que as coisas darão certo”, finalizou o jovem jogador do Ceará.

Anúncios

Deixe uma resposta