BRASILEIRÃO CAMPEONATO BRASILEIRO Fortaleza

Fortaleza: veja quais atletas se destacaram dentre os demais após o fim do primeiro turno do Brasileirão

Foto: Bruno Oliveira

Com a primeira metade do Campeonato Brasileiro já encerrada, o Leão conta com alguns destaques da competição em seu elenco

Com a 19ª rodada encerrando-se nesta segunda-feira (2), com os jogos entre Palmeiras x Atlético-MG e Grêmio x Red Bull Bragantino, o Campeonato Brasileiro da Série A terá completado a disputa do primeiro turno (apesar de alguns jogos adiados). Após esse período, o Fortaleza, mesmo com dois jogos a menos (Vasco x Fortaleza, válido pela 16ª rodada, e Bahia x Fortaleza, válido pela 18ª rodada, foram adiados) conta, em seu elenco, com alguns atletas que se destacaram, dentre todos os outros da competição, em certas estatísticas. Nesta matéria, você confere quais atletas do Leão se destacaram em quais pontos dentro de campo.

Começando pela defensa, mais especificamente pelo gol, o arqueiro Felipe Alves é um dos principais destaques do Leão. O goleiro tricolor é o segundo com mais “Clean Sheets” (jogos sem tomar gol), com seis oportunidades em que não foi vazado. Além disso, é o goleiro que sofreu menos gols por partida: em 16 jogos (além dos dois jogos a menos do Leão do Pici, Max Walef atuou em Fortaleza 2×0 Palmeiras), foi vazado em apenas 12 oportunidades, com uma média de 0.75 gols concedidos por partida. É, ainda, o goleiro mais bem avaliado no portal SofaScore, com uma nota de desempenho de 7.19.

Anúncios

Falando da dupla de volantes do Tricolor de Aço, Juninho e Felipe, ambos se destacam em um ponto bem característico dos seus estilos de jogo: o lançamento e as bolas longas. Os dois atletas do Leão estão entre os dez primeiros no ranking de lançamentos e bolas longas acertadas por partida, com uma média de 5.0 para Juninho e uma parcial de 4.7 para Felipe. Os jogadores ocupam, respectivamente, oitava e décima posições na lista.

Da mesma forma que a defesa do Fortaleza é a melhor da competição, com apenas 12 gols concedidos aos adversários, também há quem se destaque no ataque do Tricolor do Pici. Romarinho, por exemplo, é o segundo maior driblador do Campeonato Brasileiro. O baixinho é o segundo jogador que mais tenta dribles por partida, com uma média de 3.4 e, com seus 71% de aproveitamento, possui uma média de 2.4 dribles acertados por jogo. Outro destaque vai para a conta de Osvaldo, que, empatado com outros seis jogadores, fica entre os dez primeiros atletas que mais criaram chances de ataque perigosas, com cinco oportunidades diferentes.

*Todos os dados desta matéria foram extraídos do site de estatística SofaScore

Anúncios

Deixe uma resposta