Newton Filho fala sobre “polêmica da Arena Castelão” e alfineta Ceará, Fortaleza e FCF: “Infelizmente está acontecendo uma privatização informal por esses dois clubes”

Foto: Lenilson Santos/Ferroviário AC

Newton Filho sobe o tom da discussão pelo direito do Ferrão de jogar na Arena Castelão

O presidente do Ferroviário, Newton Filho, participou no último sábado (3), do programa Bola na Rede em Debate, na web rádio Active. O assunto principal não poderia ser outro: a ”polêmica da Arena Castelão”.

Newton falou sobre a origem do imbróglio, as atuais condições da Vila Elzir Cabral, Domingão e Presidente Vargas (PV), além de fazer duras críticas a Federação Cearense de Futebol (FCF), a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) , ao Governo do Estado e aos rivais Ceará e Fortaleza. Confira os principais tópicos da entrevista:

Rogério Ceni e o início da polêmica

”Esse imbróglio não nasceu na CBF. Ele pode até ter a CBF como linha de frente, escudo, mas não nasceu na CBF. Nós sabemos disso. Logo depois de um Ceará e Fortaleza, em que o Rogério Ceni perde a partida, ele diz que o estádio não é compatível para jogar três times, nesse estádio. E aí, logo depois disso, vem um email da CBF. Eu não acredito neste tipo de coincidência.”

Anúncios

Domingão

”Você tá falando de um estádio ”padrão FIFA”, de copa do mundo, que não tem condições de receber, em algumas semanas alternadas, três partidas, e o Domingão tem? Essa semana são três partidas. O Floresta jogou lá duas vezes e nós vamos jogar lá amanhã. Então o Domingão sem cuidado nenhum e aqui não é uma crítica a administração pública, o Horizonte não estava jogando. O prefeito não tinha obrigação nenhuma, digamos assim. Mas o Domingão consegue receber três jogos e a arena ”padrão FIFA”, que é investido milhões, inclusive com troca de gramado já este ano, não consegue? Quer dizer que o Ferroviário jogado duas vezes por mês é quem vai prejudicar o gramado da Arena Castelão?”

Vila Elzir Cabral

”O Ferroviário vem fazendo reformas em suas estruturas, departamentos, área por área e chegamos no momento de instalações elétricas. E tem serviços que não dependem só da gente. Nós estamos instalando placas de energia solar, havia a necessidade da troca de um transformador, tava previsto para quinta-feira. Quinta-feira a ENEL acabou não indo realizar o serviço. Ficou para sexta-feira. Eu nem sei se foi realizado. Há serviços que não depende dá gente.

Clubes Cearenses e FCF

”Nós vivemos em um momento, onde todos falam que a pandemia trouxe um poder empatia maior, pelas pessoas, pelas instituições e a gente não vê isso. A gente continua vendo cada um pesando no seu, de forma egoísta. A gente fica vendo uma falácia de ’’ pelo fortalecimento do futebol cearense’’. Na prática, não é isso que nós vemos. Porque o fortalecimento do futebol cearense não passa por apenas dois clubes. É importante temos três, quatro, cinco clubes fortes, disputando. E aí, quando nós falamos de omissão e descaso da Federação Cearense, é porque o mínimo que se espera, é que a Federação saia em defesa do seu filiado. O mínimo que se espera é que ela se manifeste. É isso que tenho cobrado do presidente Mauro Carmélio.”

Governo do Estado

”Nós estamos tratando de um equipamento público, que está sendo privatizado informalmente. Eu tenho um excelente relacionamento com os dois clubes, Ceará e Fortaleza e seus presidentes, o Robinson e o Marcelo Paz. Mas infelizmente está acontecendo uma privatização informal por esses dois clubes, de um equipamento público e o governo nada diz com relação a isso. O que vem acontecendo afronta os princípios da administração pública de isonomia, de impessoalidade, podendo caracterizar-se inclusive, como improbidade administrativa.”

Os três momentos do Ferroviário no Castelão

”Eu tenho falado com o Secretário de Esporte e Juventude que o Ferroviário viveu três momentos recentes na Arena Castelão: O Ferroviário viveu o momento de ser patrocinado para jogar lá, recebia para jogar lá. Depois viveu o momento de ser convidado a jogar lá e ter esse prazer de receber o Ferroviário lá e esse momento, que não é de agora, do Ferroviário ser convidado a se retirar da Arena Castelão. É um absurdo!”

O Ferroviário estreou no Domingão nesta Série C no último domingo (4), diante do Santa Cruz. O resultado não foi o esperado. Em jogo que valia a liderança do grupo, o Tubarão foi derrotado por 3×1. O Clube Coral entrou com pedido no STJD para garantir seu direito de uso do estádio. Aguardemos cenas dos próximos capítulos.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s