Defesa do Fortaleza evolui alternando jogadores e se torna a segunda melhor da Série A

Foto: Leonardo Moreira/Fortaleza EC

Defesa do Fortaleza se transforma no grande destaque da equipe tricolor

O Fortaleza faz uma campanha satisfatória na Série A do Campeonato Brasileiro. Com 17 pontos em 13 rodadas, o tricolor de aço ocupa a 10a posição e não perde há cinco jogos (sem contar a vitória na primeira final do Campeonato Cearense contra o Ceará). O desempenho na tabela é superior ao início do campeonato de desde 2019. E a principal diferença, é no sistema defensiva.

No último domingo, 4, o tricolor empatou em 0 a 0 com o Atlético Goianiense na Arena Castelão. Apesar do resultado ser considerado frustrante para o leão, a equipe passou mais um jogo sem sofrer gols. Foi a quinta partida que o Fortaleza não levou gol no campeonato. A equipe do técnico Rogério Ceni é a segunda nesse quesito, atrás apenas do Internacional, que não sofreu gol em seis confrontos.

Anúncios

As duas equipes também dividem os pontos de melhores defesas. Com apenas 9 gols sofridos, o time gaúcho foi o que menos sofreu gols no Brasileirão. O leão, que antes dividia o posto de segundo colocado com o Palmeiras, viu o verdão ser vazado uma vez pelo Ceará e agora ocupa de forma isolada o posto de segunda melhor defesa.

O desempenho do sistema defensivo do Fortaleza na Série A do Campeonato Brasileiro é uma grata surpresa. Antes criticado por uma grande deficiência na bola aérea, a defesa tricolor vem evoluindo nesse quesito, e quase não passa dificuldades nas partidas.

Grande destaque desse sistema, Paulão virou titular absoluto de Rogério Ceni. Contratado em 2019 sob desconfiança, o zagueiro de 34 anos é peça-chave para o bom momento vívido pela defesa do leão. Com Paulão, outros dois defensores também melhoraram seus rendimentos durante a competição: Juan Quintero (titular ao lado de Paulão) e Jackson (Titular durante a lesão de Quintero).

Anúncios

A boa fase da defesa do Fortaleza foi demonstrada mais uma vez na partida contra o Atlético. Fora de combate por um longo período lesionado, o experiente zagueiro Roger Carvalho fez sua estreia no Brasileirão. Com 7 cortes, 90% dos passes certos (64/79) e um duelo aéreo disputado e ganho, segundo o SofaScore, Roger foi um dos desfalques do Fortaleza no duelo.

Outro destaque do sistema é o goleiro Felipe Alves. Com média de 3,2 defesas por jogo, o arqueiro titular do leão é o terceiro melhor em média de gols sofridos, com apenas 0.8. Felipe também é o segundo que mais passou jogos sem sofrer gols (5), atrás de Marcelo Lomba, do Internacional (6).

Anúncios

Deixe uma resposta