Ceará

No mês do Outubro Rosa, grupo de torcedoras do Ceará se mobilizam para ajudar a Associação Lua Rosa

Foto: Divulgação/Torcedoras Raiz

O Torcedoras Raiz vem atuando para conscientizar sobre a importância do Outubro Rosa

O mês de outubro tem uma importância a mais para as mulheres. É no décimo mês do ano que a prevenção ao câncer de mama se acentua de maneira mais presente. O chamado ‘Outubro Rosa’. Pensando nisso, um grupo formado por torcedoras do Ceará, o ‘Torcedoras Raiz’, se mobilizou para ajudar a Associação Lua Rosa.

Anúncios

Em entrevista exclusiva para o Portal Futebol Cearense, Janna Queiroz, uma das idealizadoras do Torcedoras Raiz, falou, antes de tudo, como surgiu o projeto: “O grupo surgiu bem naturalmente. A Vitória, que hoje é nossa vice presidente, tinha contato com algumas meninas que participavam de grupos mistos do Ceará. Então surgiu a idéia de fazer um grupo de WhatsApp só com mulheres. Onde elas se sentiriam mais a vontade de falar sobre o clube e o esporte, sem serem questionadas, e o ambiente ser mais nosso mesmo. Então ela me chamou, e começamos o grupo com algumas meninas. Cerca de 30. No grupo, a gente foi se deparando com histórias parecidas: falta de companhia pra ir ao estádio, chateação em grupos mistos, alguns casos de assédio mesmo, e aquilo foi nos fazendo entender como era importante essa rede de apoio. Nesses dois anos (completamos nesse mês inclusive) muita coisa aconteceu no grupo. Hoje somos 88 mulheres, muitas já passaram, várias continuam e todas elas tiveram papel fundamental no nosso crescimento. Eu digo crescimento, porque tem sido um eterno aprendizado, e a gente sempre tá disposta a melhorar.”

Anúncios

Falando precisamente sobre a campanha do Outubro Rosa, Janna explicou como surgiu a ideia: “A gente sempre tem em mente que nosso grupo tem que exercer um papel social. Nas nossas reuniões a gente se programa das ações que vamos fazer ao longo do ano. E não foi diferente. Nada mais justo que esse mês a gente fizesse uma campanha do outubro Rosa. Pensamos inicialmente em trazer uma torcedora do Ceará que já tivesse passado pelo tratamento e nos contasse sua história. No grupo mesmo lançamos a ideia do que queríamos e conhecemos a história da Dayanne. Foi muito legal, que a gente estava em busca da instituição que iríamos ajudar. E na primeira conversa ela nos contou da Karla, que tinha conhecido durante o seu tratamento, na mesma batalha. E que ela tinha uma instituição voltada pra mulheres que estão tratando o câncer de mama. Que a associação era nova, mas já atendia mais de 50 mulheres. E elas estavam iniciando e me deu o telefone dela. Quando liguei pra Karla, senti que tudo tinha conspirado pra que fosse a instituição ajudada. Levei pras meninas e decidimos em comum acordo que a Lua Rosa receberia o lucro da venda dos produtos: copo e camisa. Desde então, tem sido incrível a receptividade de todos pela campanha. Ao longo do mês pretendemos também fazer o trabalho de conscientização do auto exame, da procura ao médico em caso de identificação de nódulo. A importância do tratamento na fase inicial.”

Reprodução/Twitter
Anúncios

Ao final da entrevista Janna Queiroz ressaltou a importância do Outubro Rosa: “Nosso objetivo é conscientizar nós mulheres de nos cuidarmos e cuidarmos uma das outras.”

Divulgação/Torcedoras Raiz
Anúncios

Deixe uma resposta