Prefeitura de Fortaleza desativa hospital de campanha do PV

Foto: Prefeitura de Fortaleza

Decisão foi tomada após o baixo índice de entrada de pacientes com o novo coronavírus

A Prefeitura de Fortaleza, gestora do Estádio Presidente Vargas, decidiu desativar o hospital de campanha, que foi montado no início da pandemia, para receber pacientes com covid-19.

A unidade provisória de saúde, estava em funcionamento desde o dia 18 de abril, depois de ter sido erguido em apenas 25 dias. Depois de 5 meses em funcionamento e mais de 1,2 mil atendimentos (dados da Secretaria Municipal da Saúde de Fortaleza), o hospital não recebia pacientes desde o dia primeiro de agosto.

Anúncios

Retorno ao futebol

Apesar da liberação do palco mais tradicional de Fortaleza ainda em setembro, o PV só deve voltar a receber jogos apenas em 2021. Isso porque o estádio passará por reformas no gramado e no sistema de drenagens nos padrões exigidos pela FIFA. Todo o processo deve durar cerca de cinco meses e meio.

Último jogo

A última vez que a bola rolou no Presidente Vargas, foi na sexta rodada da segunda fase do Campeonato Cearense, na partida entre Pacajus 0 x 1 Ferroviário. Naquele mesmo dia, foram confirmado os três primeiros casos de covid-19 no estado. No dia seguinte, o futebol foi paralisado.

Anúncios

Deixe uma resposta