“Muito aquém do nosso jogo habitual”, lamenta Guto Ferreira após derrota do Ceará para o RB Bragantino

(Foto: Reprodução/Vozão TV)

Alvinegro perdeu por 4 a 2

O técnico Guto Ferreira lamentou o desempenho do Ceará na partida contra o RB Bragantino na 11ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro. Jogando em São Paulo, o Alvinegro acabou derrotado por 4 a 2 e permaneceu com 13 pontos na competição nacional.

Anúncios

“A gente fez algumas mudanças dentro da equipe, buscando equilibrar essa questão física, mas não foi possível. Nosso time ficou muito aquém da qualidade de jogo, do poder de marcação que a gente costuma ter. Peço desculpa ao torcedor. Vamos tentar fazer melhor no próximo jogo”, disse treinador na coletiva pós-jogo.

Os tentos da partida foram marcados por Léo Ortiz, Bruno Tubarão, Lucas Evangelista e liam Cândido para o Massa Bruta. Vina e Wescley diminuíram para o Vovô. O profissional ressaltou que, por não ter jogado no meio de semana, diferente do Alvinegro que encarou o Brusque na Copa do Brasil, o adversário Paulista estava melhor fisicamente e soube aproveitar essa vantagem.

Anúncios

“Não começamos bem, tomamos um gol muito cedo. Buscamos equilibrar, conseguimos e fizemos o gol de empate, mas na sequência, tomamos o segundo e o terceiro”, relembrou Guto. E continuou “Ai foi derradeiro! (…) Tivemos dificuldades de equilibrar o jogo contra o o Bragantino. O Bragantino teve uma postura bastante agressiva, com bastante transição rápida e nossa equipe não conseguiu fazer o pós-perda, não conseguiu pressionar e permitiu os contra-ataques”, afirmou.

Guto explicou a estratégia utilizada para que o Ceará diminuísse o placar e tentasse o empate, mas que acabou não funcionando. “Tentamos algumas inversões no meio do campo no intervalo mudar um pouco o jogo, acabamos tomando o quarto gol, fizemos outras trocas a partir dessas últimas trocas é equilibramos um pouco mais. Conseguimos fazer um gol, tivemos outras oportunidades, mas muito aquém do nosso jogo habitual”, acrescentou o comandante.

Anúncios

Ao fim da coletiva, o técnico já projetou o duelo no meio de semana contra o Brusque (SC), válido pelo duelo de volta da Copa do Brasil. “Acho que a partida de quarta-feira é outro campeonato, outra competição, outra equipe, e embora tenho tenha um padrão de jogo bastante interessante, que gosta de jogar, pode ter certeza que vamos entrar com uma postura para buscar o resultado e classificar o Ceará”, destacou o profissional.

Por ter vencido por 2 a 0 no jogo de ida, o Alvinegro pode até empatar ou perder por um gol de diferença que avança. Em caso de derrotas por dois tentos de diferença, a vaga será definida nos pênaltis. Revés por uma diferença superior a três gols, avança o time adversário.

Anúncios

Deixe uma resposta