BRASILEIRÃO CAMPEONATO BRASILEIRO Ceará Série A

Em noite apagada, Ceará perde para o RB Bragantino em São Paulo

(Foto: Diogo Reis/AGIF)

Com a derrota, o lvinegro perdeu uma posição na tabela

O Ceará foi derrotado pelo RB Bragantino por 4 a 2 na noite deste sábado, 19, no estádio Nabi Abi Chedid, em duelo válido pela 11a rodada do Campeonato Brasileiro Série A 2020. Com o resultado, o Vovô permaneceu com 13 pontos e caiu para a 10a colocação da competição nacional.

Anúncios

O jogo

Os donos começaram o jogo impondo pressão ao Alvinegro. Diferente das últimas partidas, o time comandado por Guto Ferreira não conseguia impor sua organização em campo e parecia estar “desligado” nos minutos iniciais do confronto em São Paulo.

É tanto que o Massa Bruta abriu o placar logo aos três minutos de jogo. Em jogada ensaiada na cobrança de escanteio, Claudinho cruzou na segunda travar Ligger cabeceou para o meio da área e Léo Ortiz livre mandou para o fundo das redes.

Anúncios

O time da casa seguiu no ataque criando jogando ofensivas. Aos 9 minutos, o clube puxou contra-ataque e deixou Artur na cara do gol, mas O atacante finalizou para fora. Aos 11, Lucas Evangelista finalizou e Fernando Prass fez grande defesa evitando o segundo gol. Aos 16, Alerrandro quase marca, mas foi travado na “hora H” os Gabriel Lacerda.

Mesmo não atuando bem, brilhou a estrela de dos destaques do Alvinegro na temporada. Após cruzamento da esquerda, Samuel Xavier ajeitou de cabeça e Vina mandou a bola para o fundo das redes empatando a partida.

Nem deu tempo de comemorar, no minutos seguintes, Artur arrancou pela direita e mandou um bomba no gol. Prass defendeu, mas no rebote Bruno Tubarão finalizou colocando o Massa Bruta novamente a frente no marcador.

Anúncios

Na primeira etapa, ainda deu tempo do clube paulistas ampliar. O Tubarão arrancou pela esquerda em velocidade e cruzou rasteiro. Alerrandro apareceu e chutou de primeira sem chances para Feenando Prass.

Na volta do intervalo, o Ceará voltou mais ligado com entrada de Fernando Sobral e William Olveira. Entretanto, novamente o clube adversário tomou domínio da partida e passou a ser mais ofensivo. Aos 15 minutos, após bobeira da zaga, Alerrandro roubou a bola de Luiz Otávio e finalizou. A bola explodiu na trave.

Minutos depois, Lucas Evangelista marcou um golaço. O volante tocou para Alerrandro, que devolveu para o jogador sair na cara do gol e finalizar por cima do goleiro Fernando Prass.

Anúncios

Com a desvantagem de 4 a 1, o Ceará parecia até criou algumas jogadas ofensivas, mas sem sucesso. Em determinado momento da partida, o clube parecia aceitar a derrota, enquanto o RB Bragantino diminuiu o ritmo para segurar a vantagem e esperar o apito final.

Já nos minutos finais, Wescley recebeu belo passe de Bruno Pacheco, invadiu a área e mandou para o fundo das redes. O vozão diminuiu o placar, mas não evitou a derrota em São Paulo.

FICHA TÉCNICA

RB Bragantino 4 x 2 Ceará

Série A – 11a rodada

Estádio Nabi Abi Chedid – 19 de setembro 2020 – 19 horas

Escalação (RB Bragantino): Júlio César, Raul, Léo Ortiz, Ligger, Weverson; Ricardo Ryller, Lucas Evangelista (Matheus Jesus), Bruno Tubarão (Luan Cândido); Artur, Alerrandro (Hurtado), Claudinho (Luís Phelipe).

Técnico: Maurício Barbieri

Escalação (Ceará): Fernando Prass, Samuel Xavier (Eduardo), Gabriel Lacerda, Luiz Otávio, Bruno Pacheco; Marthã (William Oliveira), Charles, Lima (Fernando Sobral), Vinicius (Wescley), Leandro Carvalho (Felipe Baxola) e Cléber.

Técnico: Guto Ferreira

Cartões amarelos: Luiz Otávio, Marthã, Guto Ferreira, Charles (Ceará); Claudinho, Ricardo Ryller, Lucas evangelista, Luan Cândido (RB Bragantino)

Cartões vermelhos: 

Gols: Léo Ortiz, Bruno Tubarão, Lucas Evangelista, Alerrandro (RB Bragantino); Vinicius, Wescley (Ceará)

Arbitragem

Árbitro: Jefferson Ferreira de Marcos
Árbitro Assistente 1: Christian Passos Sorence
Árbitro Assistente 2: Leone Carvalho Rocha
Quarto Árbitro: Lucas Canetto Bellote
Analista de campo: Carlos Augusto Nogueira Júnior
Árbitro de vídeo: Elmo Alves Resende Cunha
Assistente de Árbitro de vídeo 1: Eduardo Tomaz de Aquino Valadão
Assistente de Árbitro de vídeo 2: Edson Antonio de Sousa
Observador de VAR: Emerson Luiz Sobral

Israel
Jornalista

Deixe uma resposta