Ceni tenta manter desempenho positivo em eliminatórias pelo Fortaleza

Foto: Leonardo Moreira/Fortaleza EC

Rogério Ceni chegar em mais uma decisão pelo Fortaleza

Técnico de futebol desde 2017, quando estreou no comando do São Paulo Futebol Clube, Rogério Ceni tem pouco mais de três anos na função e após passar de forma apagada pelo tricolor paulista chegou ao Fortaleza. No Pici, o treinador se mostrou um profissional preparado e desmistificou a ideia que muitos comandantes não conseguem bons desempenhos em competições por ponto corrido e em disputas eliminatórias.

Nos pontos corridos, Ceni foi campeão da Série B e fez uma ótima campanha na elite do futebol brasileiro, ambas pelo tricolor do Pici. Já em competições que têm fases eliminatórias para definir o campeão, o ex-goleiro traz um histórico de sucesso pelo Fortaleza, com as conquistas da Copa do Nordeste e do Campeonato Cearense, ambas em 2019.

Anúncios

No total, Rogério Ceni comandou o Fortaleza em 16 jogos eliminatórios, sendo 11 vitórias, um empate e quatro derrotas. O desempenho ofensivo do tricolor também chama a atenção, com 22 gols marcados e nove sofridos.
Eliminou Floresta e Guarany de Sobral nos estaduais de 2018 e 2019, respectivamente, ficando com o título no ano passado. Também deixou pelo caminho Vitória e Santa Cruz (ambos em jogo único) e Botafogo da Paraíba nas duas partidas que deram ao “Leão” a taça da Copa do Nordeste.

Os reveses foram nas eliminações para Independiente, da Argentina, na Copa Sulamericana deste ano, e para o Athletico Paranaense, pela Copa do Brasil do ano passado; além da queda na final do Campeonato Cearense de 2018, quando perdeu os dois jogos para o Ceará e ficou com o vice-campeonato.

Outras equipes

Rogério iniciou a carreira como técnico em 2017, no São Paulo, e logo em seu primeiro confronto eliminatório foi superado pelo modesto Defensa y Justicia, da Argentina. O time paulista empatou sem gols em solo argentino e em 1 x 1 no Morumbi. O resultado significou a eliminação tricolor.

Ainda naquele ano o treinador avançaria no Campeonato Paulista, ao eliminar o Linense nas quartas de final com vitórias por 2 x 0 e 5 x 0. Mas os comandados de Rogério Ceni caíram para o Corinthians nas semifinais com uma derrota por 2 x 0 e um empate em 1 x 1. Pelo time do Morumbi, disputou a Copa do Brasil de 2018 e eliminou Moto Club, PSTC e ABC, mas não passou pelo Cruzeiro. O tricolor foi eliminado ao perder em casa por 2 x 0 e fora de casa por 2 x 1.

Em 2019, Rogério teve passagem rápida pelo Cruzeiro e um de seus compromissos pela “Raposa” foi o jogo de volta das semifinais da Copa do Brasil, contra o Internacional. O time mineiro já havia perdido o primeiro jogo em casa, ainda com Mano Menezes. Na segunda partida, os gaúchos venceram por 3 x 0 no Beira-Rio e decretaram a eliminação cruzeirense.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s