“Mercadão Alternativo”: cearenses e jogadores com passagens marcantes são destaques nas transferências

Foto: Divulgação/FIFA

Cearenses e personagens que passaram por aqui trocaram de equipe na quarentena

A bola parou de rolar durante a pandemia, mas os bastidores do futebol continuaram em movimetação. Sem condições financeiras muitas equipes perderam inúmeros jogadores e outras se aproveitaram para reforçar seus elencos para o restante da temporada.

O canal “Última Divisão” listou algumas transações envolvendo jogadores conhecidos que trocaram de clube durante a quarentena no Brasil. Na lista, muitos cearenses ou jogadores com passagens marcantes pelo futebol alencarino.

Anúncios

A listagem começa com dois zagueiros que passaram pelo Ceará. O experiente Antônio Carlos jogou pelo Vovô em 2015 enquanto Anderson defendeu o alvinegro em 2009 e 2014. Os dois estarão no Olaria, do Rio de Janeiro.

Outro jogador com o nome vinculado ao futebol cearense é o atacante Bruno Mezenga. Em 2007, o centroavante passou pelo Fortaleza inclusive marcando o gol da vitória do Leão no Clássico-Rei pela Série B. Vindo da Tailândia, o jogador defenderá a Ferroviária, de São Paulo.

Em 2010, o meia Camilo esteve no Ceará para as disputas da Série A. Inconstante, o jogador era reserva e perdeu espaço do meio para o fim da competição. Atualmente, saiu do Mirassol para defender a Ponte Preta. Outro ex-Ceará que seguiu o mesmo rumo foi o lateral-esquerdo Ernandes. O cearense defendeu Ferroviário e o Vovô.

Anúncios

Natural do Crato, o lateral-direito Ceará, campeão mundial com o Internacional em 2006, irá defender o União Luziense aos 40 anos. O atleta nunca jogou no futebol cearense.

Pernambucano erradicado no futebol cearense, o atacante Ciel se destacava na temporada pelo Guarany de Sobral até a paralisação do futebol. Com a crise financeira, o Bugre dispensou o atacante, que acertou com o Salgueiro, de Pernambuco. Tem passagens por Icasa, Ceará e Caucaia.

Outro jogador que não é cearense, mas tem forte ligação com o Estado é o goleiro Fernando Henrique. O arqueiro estava se destacando no Santo André, mas teve que trocar de clube para defender o Brasiliense. Aos 36 anos, ‘FH’ atuou no Ceará de 2011 até 2013 e retornou em 2017.

Anúncios

O centroavante Zé Carlos, conhecido como Zé do Gol, atuou no Fortaleza em 2017. Aos 37 anos, o atleta estava no São Bernardo, de São Paulo, mas trocou de clube e vai defender do Remo, do Pará.

Com uma passagem apagada em 2016 pelo Ceará, a eterna promessa Zezinho acertou a sua ida para o Joinville, de Santa Catarina.

Outros nomes conhecidos do futebol cearense trocaram de clube nesse período sem futebol. Siloé acertou com o Sousa-PB, Marcelo Nicácio foi para o Atlético de Lagoinhas-BA, Pedro Ken trocou o Juventude pelo Operário e muitos outros.

Anúncios

Deixe uma resposta