Em nova testagem para Covid-19, médico do Fortaleza elogia protocolo

Foto: Divulgação/Fortaleza EC

O diferencial desta nova fase de testes é que houve coleta de material sorológico

Na desta sexta-feira, 03, o Fortaleza, que completou a quinta semana de treinamentos nesta sua volta, realizou mais uma rodada de testes para detecção de possíveis casos de Covid-19, a quarta etapa do protocolo da volta aos treinos aconteceu em parceria com laboratórios reconhecidos da cidade pela segurança e credibilidade em análises clinicas.

Anúncios

O Diretor do Departamento Médico do Fortaleza, Dr. Cláudio Maurício, explicou os objetivos desta nova etapa dos protocolos, além de esclarecer quais tipos de exame foram feitos.   

“A gente concluiu essa nova etapa de testagem seguindo nosso protocolo rigoroso de controle da saúde de nossos atletas e colaboradores. Teve testagem de RT-PCR que é aquele teste do nariz, mais uma vez, que é de rotina, e hoje vamos testar sorologia para avaliar a presença de anticorpos e pessoas que já tiveram a doença, a gente pode identificar através dos anticorpos”, disse o médico do clube.

O diferencial desta nova fase de testes é que houve coleta de material sorológico, como outros exames de rotina, utiliza da coleta de sangue do paciente, com o material é possível detectar se os atletas já tiveram contato com o vírus e se produziram imunidade para o vírus SARS-CoV-2.

Anúncios

O Dr. Cláudio Maurício falou sobre a situação que o clube enfrenta para realizar todas as etapas do protocolo e considera que está sendo um sucesso.

 “No primeiro momento tudo é novo, as pessoas apesar de estranharem o modo de operar aqui do Centro de Treinamento, todo mundo estava com muita boa vontade para que tudo desse certo. À medida que eles viam a efetividade do trabalho, estavam se sentido mais seguros, cada vez mais eles compravam a ideia, dava mais credibilidade, aí todo mundo se engajou e está graças a Deus sendo tudo bem-sucedido”.   

Ainda sem ter data marcada para volta do Campeonato Cearense, realizar um protocolo sem saber quando o  time entra em campo não é fácil, apesar de toda essa dificuldade o médico do Fortaleza minimizou a situação, segundo ele as coisas estão acontecendo para que todos tenham a segurança garantida, quando voltar.   

“Claro que atrapalha qualquer planejamento, quando você tem datas você tem um planejamento mais fidedigno, com projeção de etapas, mas também essas incertezas são compreensivas né, pela situação que nosso Estado passa, a gente tem acompanhado a boa vontade do governador e da Secretaria de Saúde em tentar recuperar a função da economia e fazer o Estado andar, mas sempre respeitando a segurança e saúde de todos” concluiu o Dr. Cláudio Maurício.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s